O Zé chamou. Será que ela volta?


Foto: Divulgação/CBV
A CBV anunciou nesta quinta-feira os nomes das primeiras convocadas para a seleção brasileira.
Eis a lista:

Levantadoras:
Dani Lins (Hinode Barueri)
Roberta Ratzke (Sesc-RJ)
Juma Silva (Hinode Barueri)

Oposta:
Tandara Caixeta (Guangdong Evergrande)

Centrais:
Ana Beatriz Silva (Bia) (Sesc-RJ)
Milka Medeiros (Hinode Barueri)
Lara Nobre (Fluminense)

Ponteiras:
Drussyla Costa (Sesc-RJ)
Amanda Francisco (Hinode Barueri)
Gabriela Cândido (Sesi Vôlei Bauru)

Líberos:
Camila Brait (Osasco-Audax)
Natinha (Hinode Barueri)
Tássia Silva (Sesi Vôlei Bauru)

Convidadas:
Lorenne Teixeira (Osasco-Audax)
Tainara Santos (Hinode Barueri)
Julia Bergmann (sem clube)

Esta primeira lista é mais ampla do que imaginava neste momento. Provavelmente alguns nomes, como os de Lara, Gabi Cândido e Juma, foram chamados já pensando num segundo grupo para as disputas do Pan-americano e do Sul-americano em agosto já que, no mesmo mês, ocorre o Pré-olímpico.

Gosto que haja, desde o início de preparação da seleção, um tempo de investimento maior nestas jogadoras mais jovens e que precisam ganhar experiência para, quem sabe, brigar por um espaço no time principal. E, em geral, me agradam os nomes que foram lembrados.

E, vejam só, o Zé ainda convidou outras jovens jogadoras para treinar e completar o time ao invés de apelar pela enésima vez pela Monique, por exemplo. 
 

As boas notícias desta lista são a ausência da Gabiru e a convocação da Brait. Porém, como alegria de brasileiro dura pouco, o Bruno Voloch adiantou que a líbero do Osasco não vai aceitar o chamado e pedirá dispensa. Ele ainda fala que outra jogadora fará o mesmo – deduzo que possa ser a Dani Lins. 

Eu cheguei a acreditar que o Zé tivesse conversado e recebido um sinal verde da Brait para a convocação, mas, pelo jeito, não foi o que aconteceu. Deve estar tentando reconquistá-la usando também um pouco do clamor dos torcedores. Só que não sei se terá muito sucesso - caso seja realmente esta a estratégia. Seria ótimo para o Brasil tê-la de volta, porém é completamente compreensível a opção da jogadora. É um dos raros casos em que renegar a seleção está livre de críticas.

Atualizando: Brait confirmou que pediu dispensa desta primeira convocação. Disse que precisa pensar mais antes de decidir se volta à seleção.

*****************************************

No mais, mais do mesmo. Ainda que não tenham feito boas temporadas, era previsível que Roberta e Amanda estivessem presentes na lista. É engraçado como no passado, em situações semelhantes, o Zé já desistiu mais fácil de algumas jogadoras - Claudinha e Ana Tiemi sabem bem.

Senti falta da Mari PB, que merecia um reconhecimento pela SL que fez e uma nova oportunidade na seleção. Não que eu ache que seja uma ausência absurda, ela é mais uma jogadora mediana. Aliás, como boa parte da seleção. No fim, elas se nivelam. Mas por isso mesmo há que se levar muito em conta a fase pela qual cada uma passa na carreira. Seria bom que a seleção se aproveitasse disso, só que não é o que acontece. E a ausência da Mari, que vive melhor momento do que a Amanda, é um exemplo.

A ausência da Thaisa me chama atenção também. Talvez ela apareça numa próxima convocação já que é um caso mais delicado. Depois da boa fase final de SL que fez, seria importante testá-la novamente em competições de nível internacional para ver se consegue ainda contribuir com a seleção.

Atualizando: Thaisa não jogará mais pela seleção. Disse que não tem mais condições físicas para manter a rotina clube-seleção. Para poder jogar por mais tempo, optou somente pelo clube.

Comentários

Anônimo disse…
Tô tão travado em relação a este cara que nem consigo comentar. Sem forças. Pensei que ele fosse sair. Não sei o que dizer. Não vejo mais como nada dar certo. Diversas jogadoras do Hinode. Sheila de volta. Sei não. Cara de pau de chamar a Brait. Não chamou a Fabíola. Juma??? E a Naiane, Ananda, Geovana. Roberta e Bia? Daqui a pouco vai aparecer Adenízia, 10 anos na reserva. Ai, desisto.
Alysson Barros disse…
Anônimo, Adenízia se autodispensou há umas semanas - como se sua presença fizesse alguma diferença. Não fosse isso, certamente estaria na lista. Fabíola já se autodispensou uma par de vezes também, então deve ter entrado na lista negra na última vez que fez isso.

Acho de um cinismo e mal-caratismo incomensuráveis dar uma de maluco e colocar a Brait na lista e esperar pra ver se cola. Algum duende deve ter falado no ouvido dele que era para agir assim. Espero enormemente que ela sambe na cara desse enganador sortudo do caramba e o deixe a ver navios. Seria prazeroso por demais. Acho que a Léia estava melhor em 2016 mesmo e sempre vou defender isso, mas ter sido cortada em 2012 e enxotada de volta pra casa, sozinha, em detrimento a uma Natália bichada e incapaz de ajudar em qualquer coisa que seja, foi o fim. Aí a "Amandinha", uma mediana, foi pro mundial, cortada, com verba sabe-se lá de onde e ficou lá fazendo turismo di grátis. Corta Mari na lavanderia, depois corta a Fabíola no aeroporto pra levar uma desconhecida que ninguém nem sabe onde tá hoje e, para se "redimir" do "equívoco" convoca a mesma jogadora em ano olímpico sem condições, após dar a luz. Toma inúmeras viradas na fuça - isso desde 2004. E ainda assim é tricampeão olímpico? Sim! Mas é decacampeão em matéria de virada homérica, sendo a mais recente da lista a derrota para o Osasco. É inacreditável. Esse senhor não é vitorioso coisíssima nenhuma. É apenas um sortudo que acredita em tarô e guia seu trabalho dessa forma. É sim o maior engodo do voleibol nacional. Um câncer que faz metástase e conspurca toda a engrenagem relacionada à modalidade feminina atualmente e não abre mão de espalhar sua incompetência por todos os lados que passa. Fez o Amil sentar na janelinha dos times, para citar o poeta, "penetras" e entrou para a elite da Superliga para depois de dois anos ter o projeto desfeito. Entrou pelo caminho certo com o Hinode e, depois de passar mais um vexame, cadê as notícias sobre as contratações? Sobre a continuidade do projeto? Sobre angariar patrocínio? isso é um deja vu por acaso? Podia pedir umas dicas ao Luizomar sobre como manter um time por mais de dois anos. Aí a única notícia que se tem é que quer trazer quem para jogar? Sheilla! Com 36 anos! E de volta para a seleção após dar a luz! Haja caduquice! E incoerência! Ganha um jogo de quartas e sai pulando pela quadra que nem um abobado. Depois assiste seu time perdendo, impassível, como todo mundo já conhece, e fica lá com aquela cara de bunda que todos nós bem conhecemos também. E quando você acha que já viu e ouviu de tudo vindo deste senhor, eis que nos presenteia com mais uma perolíssima: "ACREDITA QUE ELA VEM NA TUA MÃO"! Sem esquecer de mencionar o "incidente" com a Claudinha...

...

Me desculpem o desabafo, pessoal... Rs!

Acontece que estou revoltado com a situação do vôlei feminino. Não consigo mais olhar para as coisas da mesma forma. Não era para termos perdido tantos títulos. Não era para termos sido eliminados para a China em 2016. É uma sucessão absurda de erros e ninguém que deveria fala absolutamente nada. O asco com tudo é enorme. Hoje culpo o Lavarini por nos ter proporcionado aquele frescor de coisa nova, bem feita e genuinamente competente. Culpo a Macris também por fazer as centrais atacarem as bolas com o bloqueio ainda subindo, fazer jogadas fora da caixinha padronizada, ser veloz e arrojada.

Bia? Roberta? Milka? Amanda? Amanda de novo? Sério? Dani Lins já DEU! Até quando, gente...?

Concordo com a Laura, única coisa boa da lista foi não ter a Gabiru - aliás, não sei como ela conseguiu escapar da convocação, viu?

Termino indagando: será que vamos nos surpreender com a convocação final daqui uns tempos? Quero ser otimista e dizer que os trabalhos estão apenas começando e que a lista é apenas a primeira, provisória, coisa e tal, mas... Todos conhecemos bem a teimosia que permeia a personalidade do pseudotécnico.

Ufa!
Anônimo disse…
Eu como torcedor e admirador confesso de Camila Brait, clamo p/que Brait não volte p/a Seleção enquanto o Zé for o técnico! Acho q se grandes jogadoras como Brait, Léia, Fabíola e Macris, por exmplo, recusarem Zé na seleção, ele vai acabar caindo! Espero q Brait não volte pra seleção enquanto o Zé estiver lá! Pois Brait foi muito humilhada e injustiçada por 2 olimpíadas seguidas! Brait, se tiver amor próprio e vergonha na cara, não aceita a convocação do Zé! Várias equipes tem usado um revezamento entre líberos-passadores e líberos-defensores, o SESI usa Murilo no passe e Pureza na defesa, o SESC usa Brendle no passe e Alexandre Elias na defesa, o Minas usa Rogerinho no passe e Maique na defesa, o Maringá usa Mário Jr no passe e Daniel Rossi na defesa. Eu usaria nas Olimpíadas de Londres-2008, Fabi como líbero-passadora e Camila Brait como líbero-defensora se revezando em quadra, e nas Olimpíadas do Rio-2016, usaria Léia como líbero-passadora e Camila Brait como líbero-defensora se revezando em quadra. Nunca teria cortado Brait dessas 2 Olimpíadas pra levar Natália sem condições de jogo a Londres e uma quarta central ao Rio-2016.
Elaine mara disse…
Buenas.. a ausencia do preconceito,discrimina e poder masculino no esporte praticado por mulheres, ajudaria muito na conducao e longevidade na carreira amadora ou profissional de todas as atletas.Filhos,idade,lesões,ficar ou nao gravida,transgenero,lesbiscas ou segundo a Venturini(sapatas)que alias foi um horror e denuncia a realidade do que pensa e expressou o "chefe "da familia dela sobre a Tiffany. Critérios devem ser técnicos e nao discriminatórios que nao favorecem o crescimento do esporte feminino no Brasil e no mundo.Eu posso pensar que com a udade e filhos que o rendimento da Sheila pode nao ser o mesmo.Mas sem que isso aconteça nao pode e nao tá valendo.No entanto por ex. com o Wallacee o sonado Lucao que se tornaram Pais a jogada é outra,afinal não é,eles nao pariram e tao pouco amamentaram...ne.Por favor não é. .Abraços.
Kamila Azevedo disse…
Allysson Barros, você lavou minha alma! Estamos juntos! Zé Teimoso é uma PIADA!

Comentando esta primeira convocação:

Roberta e Bia fazem uma péssima Superliga e recebem o que, como recompensa? Uma convocação para a seleção brasileira. E detalhe: Roberta ainda comemora a convocação. Se fosse eu, teria vergonha de ser convocada, sem merecimento.

Só consigo pensar em uma razão para justificar a presença de Juma e de Milka nesta lista: elas jogaram, neste ano, em Barueri.

Não entendo a convocação de Amanda, especialmente quando tivemos uma Mari Paraíba, fazendo uma Superliga muito mais superior e sendo injustiçada, novamente.

Acredito que o Teimoso não convocou a Fabíola, pois sabe que ela recusa. Entretanto, não dá para ver Dani Lins (que fez uma temporada péssima) ser convocada de novo... Esse time não renova. O Zé poderia ter dado uma chance para a Claudinha, que fez uma Superliga bem melhor.

Enfim, a gente quer acreditar que vai ser diferente, mas fica difícil depois de ver essa primeira convocação. Pior é ver o Zé Teimoso dizer que vai com força máxima para os torneios mais importantes. Essa é a ideia inicial dele de força máxima?? Estamos MUITO encrencados....

Quando que a imprensa vai começar a questionar o trabalho desse homem? CHEGA!
Camilla Paiva disse…
Acho uma pena a Brait não aceitar, pois estamos muito necessitados de uma libero com a qualidade dela na seleção, mas por outro lado, como foi dito acima, ela tem todos os motivos do mundo pra declinar o convite. No mais, em relação a essa escalação com algumas atletas convidadas, eu nem me iludo, porque no fim das contas ficarão as de sempre. Amanda, bia e Roberta estarem nessa lista já é o cumulo frente a temporada horrorosa que fizeram, e não tenho dúvidas de que estarão na lista final.

Obs- E essa história do Zé doidinho querer a Sheila de volta na seleção, hein? Ele não tem vergonha na cara não? O mundo inteiro renovando os times e ele querendo resgatar uma jogadora que já declarou estar aposentada da seleção brasileira...é um absurdo, mas ai eu lembro que ele levou a Fabíola pra olimpíada 2 meses depois do parto e a Natália ainda em recuperação pra várias competições, então, se tratando do Zé, faz todo sentido.
Camilla Paiva disse…
Ah, uma outra observação: que comentário excelente, Alyson Barros. Disse apenas tudo. A única coisa que eu acrescentaria seria o reconheceimento daquela renovação proposta pelo Zé no ciclo de 2004/2008, que teve nas olimpíadas daquele ano o ápice. Era o time perfeito, tanto que ele está aí até hoje tentando "evocar" esse time. Depois disso, foi ladeira a baixo. Londres 2012 não passou pelas mãos dele, me pareceu bem mais uma superação que partiu das jogadoras. O mundial de 2014 foi aquele negócio estranho, aquele clima pesado no ar (tem alguma história de bastidores desse mundial?) E a rio 2016 é melhor nem lembrar, ne? Levou aquela virada totalmente inerte. No fim das contas cabe a gente se contentar mesmo com o fato de que ele só vai sair da seleção quando quiser, pois é assim que a CBV trabalha e a mídia puxa saco vai continuar de olhos fechados, sem fazer uma crítica a ele.
Paulo Roberto disse…
É minha gente mais uma convocação cercada de critérios duvidosos e tenebrosos.

Juma na lista só se justifica pelo fato de tentar preparar uma jovem levantadora, mas aí cabe o questionamento da ausência da Naiane: ambas eram reservas em seus times, mas a segunda entrou mais e se mostrou mais efetiva quando atuou. Enquanto a Juma...

Dani Lins, mais uma vez fez uma péssima SL. A justificativa agora é que ainda não recuperou a forma pré-gestação, mas lembremos que ela vem jogando abaixo já faz um certo tempo. Roberta então, não há nada que justifique a presença dela na lista. Macris com certeza deve estar na próxima chamada, mas cabe aqui questionarmos pela Fabíola. Ela fez verdadeiros milagres com a linha de passe medonha do Bauru e com a linha de passe da Seleção ela é mais do que necessária. E a Claudinha, que fez sim uma temporada melhor que a Pani Lins.

Sobre as centrais, realmente a única das que estarão na seleção que tem jogado bem é a Carol, mas espero ver a Mara (não gosto dela, mas fez uma SL melhor que a Bia). Pra quem já teve Thaísa, Fabiana e Wal ter essas daí é um retrocesso.

Sobre a Brait, hoje já saiu que ela recusou a convocação, alegando que conversou com o Zé e tudo, mas que neste momento não vai. Se ela já tinha realmente conversado com ele, e provavelmente tinha dito não, porque manteve o nome dela na lista? Só me passa pela cabeça que ele quer sair de bonzinho: deu uma chance pro retorno dela e ela que não quis.

Enfim, falo que não vou torcer pra seleção mas não consigo. Ficar fora de Tokyo é praticamente impossível. Medalhar serão outros 500. É torcer pro ciclo passar logo e alguma luz chegar na CBV para garimpar novos talentos e no novo técnico.
Anônimo disse…
Alyson, tudo começou errado já com o corte da Leila em 2004, levando duas opostas inexperientes: A fantástica Mari que tava um ano só na Seleção e a canhão Elisângela, que tava uns 4 anos. Me lembro que saiu uma reportagem no sportv que muitas jogadoras se diziam surpresas, pois a Leila tava voando ainda mais depois de passar pelo volei de areia. Deu aquela cagada toda do 24x19.

Depois saí Waleswca, entra Gattaz, dai Thaisa, volta Waleswca, retona Valeskinha, saí Arlene, retorna Arlene ate que finalmente definiu um time a ser continuado o projeto.

Insiste com Ana Tieme sendo convocada mesmo sendo reversa a anos no Osasco.Trata Natália como um bebê de cristal e mimada.

Corta jogadoras no saguão de aeroporto de lavanderias ( não existe reunião , nao ? ), deixa todas com medo e constrangidas. Leva uma ate Londres e manda embora e fica com uma que ta 1/4 do ideal de estar a metade de bom.

Evidencia só os erros até quando ter que vir a capitã e chamar ele dizendo para evidenciar as qualidades.

Esquece de jogadoras que a anos fazem uma Superliga aqui e fora do Brasil maravilhosas.

Toma uma virada épica ( mais uma, de novo e again) em 2016 em casa.

Insiste de novo com seu bebe mimado e de cristal.



Laura disse…
Alysson, acho que vc resumiu o sentimento da maioria dos torcedores.

Eu confesso que, assim como muitos que já comentaram aqui, tô com um ranço do Zé desde 2016 que não consigo nem ouvir ele falar. Tenho que me esforçar para isso não interferir nos comentários que faço.

E estou com preguiça para falar de seleção tb. Em parte porque temos uma geração pouco inspiradora. Tirando uma ou outra jogadora diferenciada, ficamos numa discussão que não avança pq não tem muito pra onde avançar. No fim, nosso debate é saber quem é o melhor: o seis ou o meia dúzia? Como falei no texto, está tudo nivelado, depende muito mais do momento do que da real qualidade de cada uma.

Em outra pq o Zé, nesta situação, faz umas escolhas que não ajudam em nada o time. Depois de 2016, ele sabia que teríamos uma situação de "pobreza" e o que ele faz é se fazer de coitado, buscando soluções mágicas no passado ou escondendo a sua responsabilidade em problemas que costumam acontecer no esporte, como lesões, ou culpando as jogadoras.

Não está dando prazer algum acompanhar a seleção nos últimos anos.


Anônimo disse…
É, pra quem já teve as fantásticas Fernanda Venturini e Fofão nos levantamentos ter que ver Dani Lins e Juma é de sofrer.

Pra quem podia levar a seleção juvenil pra jogar contra Canadá e ganhar ainda de 3x0 ter que ver o jogo pra ver se o Brasil ganha parece piada. Ou torcer pra virar o jogo contra o México.

Ter centrais melhores atacantes do Mundo em Mundiais e melhores bloqueadoras em Grand Prix ter que se contentar com Adenízia líder de torcida ou Mara e Bia bateção de peito soa vergonhoso.

Paula Pequeno MVP de 2008, Mari, Sheila, Renatinha, Jaque, Garay, Gabizinha entre tantas outras mais antigas como Hilma, Ana Moser, Leila.... ver a gritaria de Rosamaria e Natalia não vingando ainda na seleção fica ate sem palavras para escrever.

E o que dizer da incrível Fabizinha? As líberos de colégio defendem melhor que as nossas atuais Gabiru e Suelen.

Podem dizer o que quiserem de Bernardinho, dos chiliques dele ....mas no feminino quando ele comandou nunca ouve estrelismo por parte de nenhuma jogadora, muito menos panelinha ou convocar só as amiguinhas. Fez boa SL ? convocada. Não fez ? Sem Seleção esse ano. Chegou a cortar Carol Albuquerque porque se apresentou 5 kg fora da forma pros Jogos de 2000, convocando no lugar a Kátia.

Temos isso hoje? Não. As jogadoras se apresentam sem uma perna e metade de um braço e ainda sim vão relacionadas para a disputa de um torneio.

E isso, sabemos, tende a piorar, pois onde está nossos novos talentos ? Sim , lá fora. Muitas jogadoras juvenis preferem estudar nos EUA e Canadá para jogar a Universidade por lá e pegar uma equipe por lá do que esperar aqui no Brasil uma chance no adulto.
Anônimo disse…
Camila Brait, Léia e Tássia são 3 das melhores líberos do Brasil no momento e nenhuma das 3 quer saber de trabalhar com o Zé Roberto!!! Quem está errado??? As 3 líberos ou o supersticioso e esotérico corcunda do ZÉ ROBERTO??? Acho que as líberos se sentiram altamente desrespeitadas e humilhadas pelo fato de o Zé Roberto preferir improvisar uma ponteira ruim como líbero na seleção, no caso da Gabiru, do que prestigiar uma líbero de verdade! Vimos q Gabiru afundou o SESC!!! A solução é a troca de técnico e não a troca de líberos!!! Chega de Zé Roberto na seleção brasileira!!! #FORAZÉROBERTO!!!
Anônimo disse…
Inclusive acabei de votar na Camila Brait como "Craque da Galera" pra mostrar pro Zé Panela o quanto prefiro que ele saia da seleção para que a Brait volte à seleção!
Anônimo disse…
Camila Brait, Léia e Tássia são 3 das melhores líberos do Brasil no momento e nenhuma das 3 quer saber de trabalhar com o Zé Roberto!!! Quem está errado??? As 3 líberos ou o supersticioso e esotérico corcunda do ZÉ ROBERTO??? Acho que as líberos se sentiram altamente desrespeitadas e humilhadas pelo fato de o Zé Roberto preferir improvisar uma ponteira ruim como líbero na seleção, no caso da Gabiru, do que prestigiar uma líbero de verdade! Vimos q Gabiru afundou o SESC!!! A solução é a troca de técnico e não a troca de líberos!!! Chega de Zé Roberto na seleção brasileira!!! #FORAZÉROBERTO!!!
Anônimo disse…
https://esportes.estadao.com.br/blogs/bruno-voloch/rosamaria-enfrenta-rejeicao-da-torcida-do-minas/

Passou 3 temporadas lá e não deixou saudades. Para ver como anda a popularidade das nossas ''estrelas'' da seleção.
Anônimo disse…
Vi no site do melhor do volei que Thaisa pediu dispensa da Seleção por enquanto. Segundo palavras dela: '' quer jogar por mais anos e a Seleção não permite recuperação e fortalecimento muscular. Quer fazer uma excelente pre temporada''.
Kamila Azevedo disse…
O site To Fly Volleyball também publicou que, por problemas de saúde, Dani Lins pode ser a próxima a pedir dispensa da seleção. A última que ficar apaga a luz! rsrsrsrs
Matronix disse…
Tudo bem q o ZRG aAINDA não pode chamar nenhuma do Minas ou do Praia.

Mas pelo amor de deus chamar a Tássia? A Tássia afundou a linha de passe do Bauru! Fabíola tinha q usar tênis de corrida p/ pegar as bolas de recepção quando não era totalmente espirradas pra fora. Pra mim Tássia ta no mesmo nível da Gabiru, com adicional do mau humor peculiar dela.

Juma? Roberta? Chama a Naiane, a Claudinha ou até a líbero Suelen pra ser levantadora q são bem melhores!

Gabi Cândido? aff ! Mediana por mediana Chama a Mari Paraíba q evoluiu muito no ataque tem uma recepção razoavelmente consistente e esta entre as melhores sacadoras da SL

Se eu fosse a Brait dependendo do grupo q o Zé Mané convocar eu não ía não. Além disso ele tem q pedir de joelhos p/ ela.
Anônimo disse…
Matronix, dê um desconto a Tássia porque só ela passava naquele time, tinha que cobrir todas as outras passadoras. Assim não dá para trabalhar direito.

O seu nome não era Mantronix, com n? Ou eu tô doido?
Alexssander disse…
Cada vez que sai a convocação da seleção feminina é um horror. Nenhuma surpresa na convocação da Roberta e da Dani Lins. Mais do mesmo. As duas fizeram uma superliga ruim, mas tem a confiança do técnico. A Juma quando entrou no time de Barueri se mostrou melhor que a Dani Lins. Não entendi a convocação da Milka. Para mim nada de mais no jogo dela. Mais uma vez não tem oposta reserva. Espero que ele chame a Bruna Honório que merece uma chance na seleção. Amanda? Também não entendo. A Mari Paraíba nas duas últimas temporadas tem jogado melhor. Enfim, concordo muito com o que a Kamila Azevedo sempre tem comentado. Ninguém questiona o Zé Roberto nas suas escolhas. Ninguém sabe os critérios e os motivos da convocação de certas jogadoras. Uma das poucas coisas aproveitáveis da entrevista da Fernanda Venturini ao Uol é que ela falou que o Zé não assume os erros e coloca a culpa nas jogadoras. Ela disse também que com ele as coisas não são às claras. Não gosto da Venturini, mas nesse caso ele tem toda razão. Depois de 2016 a gente não sabe o que esperar da seleção. Fica sempre uma incógnita.
Unknown disse…
Fora Zé panela
Alexssander disse…
Gabi Cândido pediu dispensa. Nem sei mais o que dizer! A situação não é nada favorável.