quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Paulista: Final à vista para Osasco e Barueri

Semifinal
Vôlei Bauru 1x3 Vôlei Nestlé


Esta semifinal foi um tanto dura de se assistir. A partida teve seus momentos de emoção, mas foram todos muito em cima dos inúmeros erros cometidos pelas duas equipes.

O que fez diferença a favor do Osasco é que ele foi menos irregular e teve, além da Tandara, uma boa saída de ataque com as centrais. A Carol Albuquerque puxou bem as bolas com a Bia e com a Nati. A Lorenne, que entrou no lugar da Paula Borgo logo no início do primeiro set, demorou a engrenar e não foi a opção mais segura para os finais de set. Ou seja, ela ainda tem que ganhar maior confiança na hora da pressão.

Do outro lado, Juma fez uma má partida. Melhorou ao longo do jogo, mas ainda assim comprometeu em jogadas importantes com levantamentos imprecisos. Também é de se ressaltar que o passe com que ela teve que trabalhar não ajudou o seu desempenho. Paula esteve numa noite para esquecer neste fundamento.

Assim, o Bauru teve bem mais dificuldades para colocar a bola no chão. Palacios foi perdendo o aproveitamento ao longo da partida, até por ser quase que a única bola de ataque do time. A cubana começou como titular no lugar da Helô, assim como havia acontecido na segunda partida contra o Sesi. É curioso que, apesar de ter 1,84 metro, ela parece mais baixa. Não tem a impulsão que caracteriza as jogadoras cubanas, mas, em compensação, tem uma boa velocidade de braço.

A defesa dá sinais de que será, novamente, o ponto forte do Bauru na temporada. Venegas, Dayse e Paula fizeram um bom trabalho no fundo de quadra defensivamente contra o Osasco. Agora, é claro, de nada adianta ter volume de jogo se o “depois” não fluir bem. O time ainda é bastante impreciso e aproveita pouco os contra-ataques que cria.

Difícil imaginar que o Bauru consiga superar o Osasco fora de casa. Os dois times estão ainda afinando os conjuntos, mas o Osasco parece melhor entrosado que o adversário. Além disso, nestas condições, os recursos individuais acabam tendo um peso maior. E o Osasco sai na frente também neste quesito. 

*************************************

Hinode Barueri 3x1 Pinheiros

Detalhe para a diferença dos placares do primeiro set os demais: 25 x 9 / 21 x 25 / 27 x 25 / 26 x 24. Uma sequência de saques da Suelle tirou o Pinheiros da disputa do primeiro set. Foi uma partida cheia de voltas e reviravoltas. Um equilíbrio que deve se repetir no segundo jogo da semifinal.

*************************************


Outros estaduais
 
Pelo Carioca, o Fluminense e o Sesc-RJ, como previsto, se classificaram para a final. O tricolor venceu o Universo por 3x0, mesmo placar da vitória do time do Bernardinho contra o Botafogo.

E no Mineiro, o Minas lidera o triangular que conta com o Itabirito e o Praia Clube. A decisão deve ficar para sexta-feira, quando Minas e Praia se enfrentam novamente. No primeiro clássico da temporada, o time da capital saiu vencedor por 3x2. Ainda sem Hooker no elenco, Rosamaria tem sido o destaque do Minas.

6 comentários:

L. Mesquita disse...

Sem HOOKER, mas com as novas contratações MACRIS e o técnico italiano LAVARINI já fazendo a diferença...
Resta saber se o MINAS terá força para quebrar a hegemonia de títulos seguidos do PRAIA no MINEIRO, será???

Joao Ismar disse...

Gostei bastante da líbero do Bauru, principalmente na defesa. Outra coisa que me chamou a atenção foi quantidade absurda de pingos pelo lado do Osasco. Acho que a Tandara não atacou nem metade das bolas que recebeu. Acho que ela vai demorar para se acostumar a posição de ponteira novamente, ter que passar e atacar... No primeiro set ela fez 7 pontos e nos três seguintes fez apenas 8 pontos, de todo modo, mesmo num dia ruim ainda foi a segunda maior pontuadora do time.
O Bauru perdeu uma chance ímpar de ganhar o jogo, no Liberatti vai ser bem mais dificil.

Alysson Barros disse...

O que é a Dayse jogando, ou melhor, “jogando”? Que coisa triste de se ver. É do nível da Andréia - que deve ter um lobby fortíssimo para conseguir jogar em bons times. Como que o Praia me contrata ela?

Não simpatizo nem um pouco com o time osasquense, mas torço para que a Lorene desencante e encha os olhos de todo mundo.

E, quem diria, Ju Carrijo levantando sem dar dois toques?

Que a final seja Camponesa x Denril e as opostas estrangeiras detonem todos os times adversários (apesar de não achar a Fawcett confiável, alguém por acaso lembra delo desempenho dela no Minas?).

Kaike Lemos disse...

No mineiro a vitoria parece ja certa pro Minas. O Praia Clube enquanto inssistir na Claudinha vai perder pro Minas! Amanda so sabe largar. ANDREIA E DAYSE PODE DAR AS MÃOS!! RUIM !!! JOGADORAS QUE COMPREMETEM O TIME. A Macris ta dando um show no Minas!! To doido pra ver RJ x Minas: Roberta x Macris Drussyla x Rosamaria e Monique x Hooker. ( Ainda vai chegar aqui em BH)


BAURU não vai dar nada que presta... Osasco tem que ter muita paciencia com a Mari PB!! PRINCIPALMENTE NO ATAQUE.



BARUERI COMO QUE TA GANHANDO COM A JACAIANE LEVANTANDO? Evoluir? Aquela Naiane é só uma Ana Tiemi da vida!!Seu futuro na seleção depende desta temporada no Barueri.


NO CARIOCA RJ é favorito. Fluminense tera muito trabalho pra vencer. Contratar a Michelle foi erro. Deveriam chamar Lana do Pinheiros.

Yano o Chato disse...

Eu fiquei chocado com a Andréia jogando. Pensei que já estaria na Superliga B. Como alguém que quer ganhar a Superliga a contrata?

Rah Silva disse...

Eu gostava muito da Claudinha e em alguns jogos enche os olhos ver ela jogando mais na maioria das vezes ela peca muito não sei porque o Paulo ainda insiste com ela podendo da entrosamento a Ananda que vimos pela temporada anterior no Pinheiros que é uma boa levantadora. Poderiam ter investido na Macris e teria sido briga ganha. Fora que ela estaria fazendo um Belo trabalho com esse time como está fazendo no Minas. Não confio no jogo da Amanda, ainda bem que a ellen é boa jogadora mais teria trago algo melhor que Amanda. Ex: Samara, Vanessa Janke, Ou até uma ponteira estrangeira boa de passe, ex: Krista Vasant(USA), Bianka Busa(SER), Yamilla Nizeth(ARG), Michele Bartsh(USA). E trago a Joycinha para ser a Oposta do time com a Carla de reserva.