Enfim, a primeira vitória

Fluminense 0x3 Camponesa/Minas 
(21/25 17/25 15/25)


Rosamaria Fluminense vôlei feminino
Foto: Orlando Bento/MTC
O Minas teve que sair de Belo Horizonte para conseguir a sua primeira vitória na Superliga. E a experiência fora de casa não poderia ter sido melhor: além dos primeiros três pontos, o time mineiro teve uma atuação segura e convincente.

Desde o início da partida o Minas mostrou melhor volume de jogo e organização nos contra-ataques. O Fluminense não conseguiu em nenhum momento do confronto ter um saque que ameaçasse o trabalho da Macris, que foi perfeito. A levantadora colocou todas as suas atacantes para jogar, efetivando diversas opções de ataque e deixando o bloqueio tricolor perdido.

O Minas teve muito mais equilíbrio, desta forma, no ataque, não dependendo somente da Rosamaria - que não deixou, porém, de fazer mais uma boa partida. Mesmo sem a Gattaz, lesionada, o time manteve o fluxo de ataque pelo meio com a substituta Mayani.

E o Minas conseguiu manter este ritmo até o final da partida enquanto o Flu só desceu a ladeira no decorrer do jogo. Os problemas na recepção e na virada de bola carioca pioraram ao longo dos sets. Se não dava ponto direto ao adversário, o passe limitava as opções da Giovana, que praticamente só podia acionar as jogadas pelas pontas. Uma leitura fácil, portanto, para o bloqueio mineiro. E sem encontrar um saque agressivo, o Flu ficou muito mais vulnerável defensivamente, inclusive no fundo de quadra que vinha sendo um dos seus pontos fortes. 
***************************************

O Flu precisa melhorar a sua linha de passe que, no papel, com Michele e Sassá, prometia ser mais estável. Até porque, para efetivar a Renatinha e o time ter outra saída de ataque pela ponta para além da Thaisinha, o time precisa ter um pouco mais de velocidade.

O Minas sai do Rio aliviado, com um resultado perfeito para reencontrar a confiança e o rumo no campeonato. Se não teve do outro lado da quadra um adversário capaz de pressioná-lo, ao menos fez muito bem a sua parte para garantir a vitória.

Comentários

L. Mesquita disse…
E qu vitória hein??? O Camponesa Minas humilhou o Fluminense no bairro das Laranjeiras, reduto tricolor!!!
Sem poder contar com sua MVP, Carol Gattaz, até então, era de se esperar que o Minas encontrasse dificuldades contra o Fluminense em pleno Rio de Janeiro... Mas o Minas passou o trator no Flu, e Lavarini provou que é execelente técnico e sabe contornar situações adversas. Afinal de contas, não foi à toa que Lavarini quebrou a hegemonia de cinco títulos seguidos do Praia Club no Campeonato Mineiro e que também foi Campeão logo no seu primeiro torneio internacional no Peru. Com o retorno de GATTAZ E HOOKER, o Minas tem tudo pra fazer uma excelente Superliga!


Anônimo disse…
Um voto de louvor para a Renatinha. Jogadoraça.

Por que a Macris não levanta para a Karol Tormenta?
Laura, o jogo entre Fluminense x Minas passou na Redetv? Moro em Porto Alegre e não consegui assistir pois no horário da partida estava passando outra programação. Aliás, não consegui assistir a nenhum jogo transmitido pela Redetv.
Laura disse…
Alexsander, sim. Tem que assistir pelo site da RedeTv pq tem cidades q não retransmitem a programação original.
Que situação, Laura! Muito obrigado pela informação.
L.mesquita disse…
Estranho essa derrota do BAURU para o BRASÍLIA, ainda mais porque o elenco do BAURU é, pelo menos no papel, muito melhor do que o do Brasília...
Creio que foi só um deslize e o BAURU venha a melhorar nas próximas rodadas. Assisti ao jogo BAURU 3X1 FLUMINENSE e pensei que a tendência do time era evoluir após essa vitória, jogadoras experientes e vencedoras o time tem, agora tem que jogar como time, afinal de contas o vôlei depende de conjunto e não de individualidades, tem que ser no coletivo a evolução.