quarta-feira, 30 de agosto de 2017

A vitória antes da viagem

Foto: Matt Brown/USAV

O Brasil já está a caminho do Japão, onde disputará a Copa dos Campeões na semana que vem. Antes da viagem,  porém, a seleção enfrentou mais uma vez os Estados Unidos e, ao contrario do primeiro amistoso, saiu com uma vitória de 3x1 (26/24, 25/18, 19/25 e 25/15).
 
Tanto o Brasil como os EUA tiveram uma modificação nos seus times titulares em relação à primeira partida. Na equipe brasileira, Gabiru foi a líbero no lugar da Suelen. Nos EUA, Kiraly testou a estreante oposto Whtiney, mas a Drews acabou retomando a posição nos sets finais e sendo a maior pontuadora do time norte-americano com 15 pontos.  Pelo Brasil, Tandara marcou 19 e Natália 18 pontos.


Bom que, desta vez, o Brasil tenha encontrado uma melhor maneira de controlar os ataques norte-americanos. Primeiro, com o saque, desacelerando a armação das jogadas; segundo, com um bloqueio mais matador – foram 14 pontos a 9 neste fundamento a favor da seleção. Claro que isso não significa que o mesmo acontecerá na Copa dos Campeões, mas os EUA vêm com novidades em relação ao Grand Prix e é bom o time brasileiro já ter uma noção do que vem por aí.

Agora, para os EUA, é correr contra o tempo para afinar o entrosamento entre Lloyd e as novas-velhas atacantes antes da estreia na Copa dos Campeões contra a China dia 05.

Na mesma data, o Brasil começa o torneio contra a Rússia, tentando encontrar no seu último campeonato do ano uma consistência de jogo que, apesar dos títulos, ainda não demonstrou na temporada.

5 comentários:

Anônimo disse...

O Brasil com Gabi parece que joga mais solto, com mais desefas, passe e volume de jogo, acredito que com a recuperação dela a seleção vai ficar com uma qualidade bem superior, e ainda temos a Rosa que pode entrar e ajudar no ataque.

Luis

Kamila Azevedo disse...

Exatamente, Laura! O grande desafio da seleção brasileira feminina de vôlei é encontrar uma constância, pois o time tem sido bastante irregular. A Copa dos Campeões é um torneio muito particular, é sempre duro e não espero que seja diferente nesse ano.

Wasley Farias Dias disse...

Vi o jogo somente ontem e gostei muito da atuação da Gabi, ex-Osasco, na defesa. Realmente se ela treinasse mais na posição, especialmente no passe, poderia ter um futuro promissor na posição. E como a Gabi, Rio, torna a equipe mais fluida, com um passe mais regular e um sistema defensivo mais bem colocado. Aliás este trio "Gabi, Gabi e Natália" defende muito bem. O que ainda não entendo é o Zé não usar muito o banco nestes amistosos. Utilizou pouco Naiane, Mara e Monique na partida.

Mts.tecasilva 191725rr disse...

Gente alguém sabe qual o canal que vai transmitir a copa das campeãs

Laura disse...

Só pelo canal da Fivb no YouTube. SporTv não vai transmitir.