sábado, 13 de dezembro de 2014

Enfim, um jogão


Rexonada/Ades 3x0 Pinheiros


Depois de tantos encontros de favoritos nestas duas últimas rodadas - e muitas expectativas frustradas -, tivemos, enfim, uma partida que mereceu ser chamada de “jogão”. Rexona e Pinheiros pode ter sido um 3 a 0, mas foi de alto nível, muito bem jogado por ambas equipes.

Os pontos que cada uma conquistou foram muito mais por mérito próprio do que por erros dos adversários. E foi isso que fez a partida tão bonita, além da série de belas defesas das líberos e de ataques de Natália, Jucy, Rosamaria e etc. 


****************************

Os sets foram equilibrados até a sua parte final quando a maior efetividade do ataque do Rexona fez a diferença. Fora a Rosamaria, as demais atacantes de ponta do Pinheiros tiveram um baixíssimo aproveitamento. A oposto, aliás, fez dois sets impecáveis neste sentido, mas cansou no terceiro.

O Rexona também demorou para concentrar a força do bloqueio e achar o tempo da Rosamaria. Quando o fez, obviamente dobrou a dificuldade do ataque paulista que não conseguiu jogar com a velocidade que precisa, muito por conta dos problemas de passe que o Rexona impôs com um saque consistente durante toda a partida.

O Pinheiros não soube usar do mesmo recurso. O saque só teve maior efeito no passe carioca no terceiro set. No mais, o Rexona teve uma recepção estável, o que permitiu a Fofão equilibrar a distribuição das jogadas. Com mais recursos e opções, virar a bola não foi dificuldade para o Rexona. E nos momentos mais de aperto, a Natália respondeu muito bem. 


****************************
Depois de ter perdido um set na disputa contra o São Caetano na última rodada, pensei que o Rexona pudesse se complicar contra o Pinheiros. Mas não. Mesmo jogando contra uma equipe de maior qualidade, não bobeou e apresentou um belo voleibol. Acho que nesta temporada, o time carioca entrou nos eixos mais cedo e já está mostrando a sua cara - e está mais forte do que se imaginava. 


****************************

Demais jogos da 10ª rodada da SL:

São José dos Campos 1x3 São Cristóvão Saúde/São Caetano

Maranhão/Cemar 1x3 Brasília

Rio do Sul 3x0 São Bernardo

Camponesa/Minas 3x0 Uniara/Afav  

Um comentário:

Welmer Sales disse...

Essa rodada me deu uma percepção melhor sobre o campeonato.

No jogo de quinta, o SESI venceu, mas ainda não consigo ver o time como uma grande equipe. Essa Mari Cassemiro não me convence, acho essa jogadora bem mediana, mas não consigo entender como os times não seguram os ataques. Acho que contra Rexona e Molico, time mais organizados e bem preparados, o SESI terá dificuldade de pontuar. Sobre o Praia, acho que o time necessita urgentemente do retorno da Daymi. O time do Praia no jogo de quinta-feira só contou com a Tandara no ataque e isso dificulta o desempenho do time dentro da partida. Além disso, falta ao time efetividade no bloqueio e organização no fundo de quadra, acredito que se o bloqueio se ajustar a defesa se ajusta e isso pode ajudar na evolução da equipe. Gostei muito da atuação da Letícia Hage e acho que ela pode ser central que pode ajustar o bloqueio praiano. Gostaria de vê-la como titular nas próximas partidas.

Sobre as partidas transmitidas ontem, gostei de ver atuação do time do Minas. O time parece que tá se ajustando e pode evoluir ainda mais. Gostei da atuação da Jaque e da Naiane. Acredito que a única coisa que falta para o time do Minas é o aumento da efetividade da Lia no ataque. Ela não tem se apresentado bem nesse fundamento, que é o principal para uma jogadora da sua posição, mas acredito que ela tem mais a oferecer do que o que vem mostrando nas últimas partidas. Espero que ela melhore a cada partida e possa ajudar o time do Minas a fazer uma boa temporada.

Quanto ao jogo entre Rexona e Pinheiros eu esperava uma partida de quatro/cinco sets, mas, embora tenha sido 3x0 para o time carioca, foi um jogo bom de para assistir. Estou impressionado com o voleibol que o time do Rexona vem apresentando até aqui, não esperava ver o time jogando tão bem nesse ponto da competição, mas é bom ver as boas partidas que as ponteiras do time estão fazendo, um destaque especial para a Natália que está se apresentando melhor do que o que eu esperava, o que é muito bom não só para o time de Bernardinho, mas para a nossa seleção.