sábado, 5 de abril de 2014

O Sesi escorrega, mas não cai

 
O Sesi quase conseguiu a proeza de ser eliminado nas quartas de final por um time sem levantadora. Incrível como esta disputa pôde se estender até o quinto set com a Juliana Carrijo simplesmente acabando com as jogadas de ataque do Banana Boat/Praia Clube.

Mari e Cia foram guerreiras ao dar a volta a tantos levantamentos ruins. Nem as bolas com a Mayhara, única especialidade da Ju, ela conseguiu fazer. E Spencer Lee foi o senhor paciência. Ele deu todas as orientações possíveis e teve uma delicadeza durante toda a partida para evitar que a Ju ficasse mais insegura. 
 
E o que recebeu em troca? Nada. Ela não assimilou nenhuma das orientações do treinador. O exemplo mais evidente foi a insistência com a Letícia Hage. Quando a Ju utilizou a bola com a central no tie-break, mesmo com o pedido do Spencer para evitá-la, a levantadora decretou a morte do seu time. Só ali o Spencer deu uma merecida puxada de orelha na sua levantadora. 
 
***********************

Reconheço o esforço que o Praia fez para se recuperar depois de um segundo turno atribulado e de toda uma temporada difícil. Mas para mim a equipe só sobreviveu neste confronto porque o Sesi permitiu com seus inúmeros erros, principalmente de ataque. 
 
Aliás, esta quarta-de-final foi um disputa para ver quem errava mais. Cheguei a pensar durante estes jogos: algum dos times precisa realmente passar para a semifinal? Porque vimos momentos de muito baixo nível de qualidade.

Nesta última partida, se as paulistas não tivessem a Fabiana como sua jogada de segurança, era capaz do Praia estar comemorando a classificação mesmo com todos os problemas no levantamento. A sorte é que o Sesi tem uma levantadora habilidosa capaz de utilizar a central mesmo com a bola a milhares de distância da rede e também um bloqueio que compensou as bolas desperdiçadas no ataque.

***********************
 
Preocupa a forma como o Sesi chega a esta semifinal contra o Molico Osasco. Se cometer 1/3 dos erros que cometeu nas partidas das quartas, vai ser patrolado. O Sesi se recuperou na SL e chegou até a fase final tendo um conjunto muito coeso. Ivna era a bola principal nas pontas, mas Dayse e Suelle davam suas contribuições. O time era muito disciplinado e cometia menos erros que os adversários. Agora está tudo virado do avesso. Vai ter que jogar no seu limite para mudar o final de uma história que está praticamente escrito.

24 comentários:

Anônimo disse...

Fabiana 3 x 2 Praia

Ok Injusto o Sesi teve seus méritos, Dani Lins capacitou com levantamentos espetaculares a Fabiana.

Convenhamos, é uma covardia Fabiana x Mayhara na rede né? O Praia nem precisa de uma levantadora insegura como a Ju Carrijo (porém boa de defesa e recuperacao de bola, justica seja feita).

No Praia, Letícia Hage leeeenta nao botava uma bola no chao, mesma assim a Ju insistindo. A Naty nervosa cai o aproveitamento no ataque e no saque. Por que nao testaram Aline com seus 1.96m?

Kimberley entrou bem, sequencia de saques venenosos, mas em momentos decisivos ou perdidos isolou bolas.

Monique bem mais apagada nessa partida muito em funcao da distribuicao do levantamento.

Fabiana literalmente sambou na cara do Praia. 24 pontos.

Mari melhor do Praia.

O jogo foi difícil mas foi feio, às vezes parecia jogo de peteca.

E a bolada da Mari na cabeca da Daroit, essa vai entrar pro youtube, com certeza.

Crowley.

Aline disse...

Estou em ESTADO DE CHOQUE, pára o mundo que eu quero descer, alguém me belisca pra eu acordar desse PESADELO! Difícil saber quem foi pior: a levantadora JU CARRIJO ou a líbero SUELEN??? Quem leva o TROFÉU "LIXO DO VÔLEI"??? Por ter sido a responsável direta pela desclassificação do Praia, J.Carrijo ganhou o TROFÉU LIXO DO VÔLEI pelo show de horrores dentro de quadra!!!
Ju Carrijo entrou em quadra hoje determinada a TOMBAR o PRAIA CLUB, queimou todas as suas atacantes:
1. Fez todas a suas centrais atacarem com braço encolhido suas bolas baixas, Natália, Mayhara, Letícia, TODAS com bracinho de tiranossauro rex p/ atacarem as bolas baixissimas da levantadora.
2. A coitada da Monique só recebeu lixo pra atacar, de tão baixa a bola, várias vezes foi obrigada a passar a bola para o outro lado de TOQUE ou MANCHETE;
3. Mari e Kim também só receberam lixo da levantadora: bolas espetadas, bolas curtas, bolas na antena, enfim só LIXO!!!
Engraçado que Ju Carrijo errava e o Spencer só trocava as atacantes, a jaqueira continuava soberana em quadra cada vez errando mais com a anuência do técnico. É nessas horas que um BERNARDINHO faz falta para falar UMAS VERDADES pra essa garota que enterrou time de forma PATÉTICA, em vez disso, SPENCER só passava a mão na cabeça dela! Cadê o esporro Sr. Spencer?
As atacantes do Praia deveriam se juntar e TODAS fazerem um CORREDOR POLONÊS na Ju Carrijo, pois ela fez questão de QUEIMAR TODAS AS ATACANTES SEM EXCEÇÃO!!!
JU CARRIJO foi egoísta, patética, soberba, irresponsável e, principalmente, MIMADA PELO TÉCNICO!!! Elevada à categoria de DEUSA DO OLIMPO, qdo não se passava de uma rélis mortal!!!
Os créditos da DERROTA foram todos de JU CARRIJO e SPENCER LEE, seu protetor. As outras jogadoras, miuito guerreiras por sinal, lutaram muito para levar o jogo até QUINTO SET, mas foi justo no QUINTO SET qdo o PRAIA liderava de 12x10 que JU CARRIJO fez mais CAGADAS, de forma TOTALMENTE IRRESPONSÁVEL!!!
Aquele 2 TOQUES no FINAL DO JOGO foi a GOTA D'ÁGUA para coroar todas as bizarrices de J.Carrijo na partida.
O Juiz da partida foi até muito tolerante, pois ele podia ter marcado muitos mais 2 TOQUES dessa senhorita!!!
Acabou a carreira de JU CARRIJO, ela está QUEIMADA PARA SEMPRE!!! Como pode um tipe repleto de excelentes atacantes do nível de MONIQUE, MARI, NATÁLIA MARTINS, MAYHARA, KIM GLASS e MICHELLE ser desclassificado dessa forma???
Trabalhar com atacantes desse nível é o sonho de qualquer levantadora, porém JU CARRIJO conseguiu transformar em PESADELO a vida de suas excelentes atacantes!!!
Enfim, o PRAIA tinha tudo para ser SEMIFINALISTA, mas JU CARRIJO não deixou!!!

Aline disse...

Se JU CARRIJO fez tudo para TOMBAR o PRAIA e conseguiu, do outro lado a líbero SUELEN fez tudo para TOMBAR o SESI e, por pouco, não consegue!!!
Nunca vi uma atuação tão ridícula de uma líbero nessa Superliga!!! Quem diria, a líbero era o alvo preferido das sacadoras do PRAIA, KIM GLASS então usou e abusou da SUELEN, a ponto de fazê-la patinar e quicar dentro de quadra!!!
O SESI tem um bom time, fez várias contratações, mas pecou na líbero, que não NENHUMA MOBILIDADE com seu SOBREPESO GRITANTE!!!
A central FRANCYNNE tbém é um ponto fraco do time. Sem BIA ou BÁRBARA BRUCH, ficou só FABIANA CLAUDINO para dar conta do meio-de-rede do SESI! E como deu conta essa garota, Fabiana fez uma partida ESPETACULAR, de encher os olhos de tão bom voleibol que jogou essa menina!!!
Sou torcedora do PRAIA, mas estou encantada com a partida da Fabiana e extremamente revoltada com JU CARRIJO!!!

Anônimo disse...

Eu também torco pelo Praia, mas foram tantos percalcos e desfalques inesperados q o Praia passou por essa SL q realmente o SESI estava mais credenciado p/ ir p/as semis. Agora descordo por culpa na Suellen, ela estava com passe perfeito e defesas fabulosas até a Kim Glass achar o antídoto p/ seu desempenho.
Ivna precisa, de vez em quado olhar pra bola, antes descer a porrada, e Daroit isolou muitas bolas tambm, Deyse estava num dia de sorte.

Aline disse...

Desaprovo TOTALMENTE a postura de JU CARRIJO dentro de quadra. Ela simplesmente CAGAVA p/as orientações que o técnico Spencer Lee dava e fazia no jogo o que que dava na telha dela! Isso é muito feio, é fazer o técnico de PALHAÇO! Afinal de contas há uma HIERARQUIA, o técnico não está ali de FANTOCHE, e se as jogadoras começam cada uma a fazerem o que querem e cagar para o técnico vira uma ANARQUIA GENERALIZADA! Nos tempos técnicos, tudo que Spencer dizia entrava por um ouvido e saía pelo outro de JU CARRIJO, isso foi de um egoísmo e de uma falta de espírito de equipe tremendo!
Acho que Spencer também foi culpado, ele deixou JU CARRIJO ser a "DONA DO JOGO", pois a cada erro de JU CARRIJO, quem ia pro banco eram as ATACANTES E NÃO A LEVANTADORA! Ou seja, JU CARRIJO queimou atacante por atacante, seja central ou ponteira, e permanecia como titular absoluta, a RAINHA DO JOGO, enquanto suas atacantes iam frustradas pro banco!
Spencer foi muito conivente com essa atitude SOBERBA de JU CARRIJO, ele deveria ser mais rígido com ela, ter mostrado mais autoridade, e deixado bem claro que quem mandava no jogo era ele, o técnico, e não ela! Porém, Spencer mimou Ju Carrijo, pois em nenhum momento ela se sentiu ameaçada... Essa garota nunca faria isso se quem estivesse no banco fosse o BERNARDINHO, pois BERNARDINHO é o cara quem põe os PINGOS NOS IS, e põe a jogadora no seu devido lugar!!!
A única jogadora do elenco do Praia que não entrou em NENHUM MOMENTO dentro de quadra, foi a levantadora LAURA PAULA. Porque não por a menina no lugar da Ju Carrijo? Pq fazer mais M, cagadas, desobediência etc, que JU CARRIJO nesse jogo seria IMPOSSÍVEL...
Acho que pelo menos com a levantadora reserva o Spencer teria mais autoridade, então pq não tentar a Laura, já que Ju Carrijo não o obedecia???
Como torcedora do PRAIA, estou muito frustrada com o que aconteceu, principalmente com a soberba de JU CARRIJO e com a passividade e falta de pulso do SPENCER... Ver todas as outras jogadoras lutando como verdadeiras guerreiras dentro de quadra, tanto que o jogo foi para o TIE BREAK, e Ju Carrijo totalmente em outra VIBE, FORA DE SINTONIA, foi muito decepcionante...
Não tenho dúvidas que com uma Carol Albuquerque, uma Camila Adão ou até mesmo com a veterana Kátia Caldeira, o Praia venceria esse jogo.
O Praia precisa contratar uma levantadora EXPERIENTE, de preferência com mais de 30anos. A posição de cérebro do time não pode ficar na mão de uma GAROTA MIMADA. Tem que por uma VETERANA LÁ, uma jogadora calejada, velha de guerra, pra não fazer M na hora H!
Roberta Ratze, por exemplo, teve que esquentar muito banco pra FERNANDA VENTURINI e pra FOFÃO, e aprender muito com as MESTRAS VETERANAS, para evoluir e chegar onde chegou com HUMILDADE! ROBERTA ainda tem muito a evoluir, mas já aprendeu bastante, principalmente a obedecer ao técnico! E ai dela se não obedecer ao BERNARDINHO!!!

Anônimo disse...

#JUCASTIGO

Abraão disse...

#JUCASTIGO

Euri disse...

Sério, eu estava tentando torcer para o Praia, mas fica difícil torcer pra um time que não merece ir para uma semifinal pelo simples fato de não ter levantadora. E, peço muitas desculpas, um técnico meio pateta. Eu sempre torço contra o Sesi, acho o Talmo um péssimo técnico e tenho uma total, completa e inexplicável antipatia pela Dani Lins. E mesmo assim, tudo o que pensava durante o jogo é que seria muito injusto um time com a Fabiana jogando o que está jogando e com a Dani Lins com o seu toque perfeito (antipático, mas perfeito), perdesse para um time com uma levantadora com o toque aterrorizante da Ju Carrijo. E a verdade é que se o Spencer Lee tivesse colocado a levantadora reserva, por mais inexperiente que seja, não teria como ela prejudicar mais o time que a Ju. Foi realmente triste.

Anônimo disse...

A Ju Carijó deve ser banida do volei, minha gente... ate uma levantadora amadora joga mais que essa jaqueira!
Hoje visitei varios Twiters e sites e vou passar pra vcs o mercado de levantadoras;
Ana Tieme; A jogadora tem o contrato encerrado com o Bursa em Junho. É alta, tem bagagem internacional, mto habilidosa.
Carine Guerra ex Osasco; Esta na Suiça e tem contrato ate agosto com o Volero Zurique. Experiente, com bagagem internacional.
Camila Adão; Teve seu contrato encerrado pelo Brasilia Volei, mas acho q essa nao volta mais pro Praia.
Diana; Essa jogava no Sao Caetano, é jovem, mas mto ousada nas jogadas e é uma grande promessa do volei e nao tem medo de jogar nas pontas como a Ju Carijó.
Macris; Jogou a temporada passada no Pinheiros e talvez o Wagão renove seu contrato.Mas no caso eu investiria pois é uma levantadora de atitude.
Carol Albuquerque; Se investirem tenho certeza q ela abandona o Sesi. É experiente, campeao olimpica, e se tem o passe na mao faz magica.
Pri Heldes; Atualmente Volei Amil, mas acho q com essa saida do ZRG ela nao vai ter mais espaço no grupo. É jovem, mais mtas vezes arrumou o jogo das cagadas da Claudinha.
Yael Castiglione; Argentina do Maranhao Volei, é mto talentosa, é titular na seleçao argentina, gosto mto do jogo dessa levantadora.
SILIE; Levantadora/Oposta cubana, esta na Europa e sem clube atualmente. Experiente e mto habilidosa de todas essas eu contrataria esta.rs'
Matienko; Levantadora russa, de estatura baixa mas, muito habilidosa e ágil. Esta com o contrato encerrado em neste mes.
Sao essas as que vii e achei interessante. Ta ai espero q o Espencer Lee troque essa jaqueira da Ju Carijó.

aline disse...

Acorda TALMO!!! O SESI precisa contratar urgentemente uma nova líbero ou então treinar uma de suas ponteiras para fazer o papel de líbero, pois jogar o CAMPEONATO MUNDIAL com SUELEN vai ser um ENORME VEXAME!!!
Nunca vi uma líbero errar tanto passe como SUELEN errou ontem!!!
Horrível ver uma líbero patinando e quicando dentro de quadra por não ter agilidade pra chegar numa bola!!!
Onde já se viu a líbero ser o alvo principal do saque adversário???
Suelen foi o alvo predileto do saque do BananaBoat/PraiaClub, se mostrou extremamente vulnerável no passe e totalmente fora de forma. Visivelmente mais pesada do que nunca e sem deslocamento, Suelen lembra qualquer coisa, exceto uma jogadora profissional de vôlei!!!
A comissão técnica cedeu o VIVA-VÔLEI para a ponteira DAYSE não pelo fato de ter sido peça fundamental no ataque, mas por seu excelente desempenho no fundo de quadra e assumir a árdua missão de cobrir a líbero SUELEN quando ela começava a comprometer o time e não dar conta do recado, a dona do ataque do SESI foi a excelente FABIANA CLAUDINO, que mais uma vez fez uma partida memorável!!!
O prejuízo da líbero SUELEN só não foi maior, pois, do outro lado, JU CARRIJO, com sua soberba, tombou o BananaBoat/PraiaClub!!!
Concordo que Michelle Pavão faria melhor papel no levantamento que a J.Carrijo. O toque da Michelle é muito mais bonito que o da Carrijo, mas claro, Michelle tem base, foi bem treinada nas categorias iniciais e esbanja técnica na execução dos fundamentos, num contraste enorme com Ju Carrijo!!!
Mesmo que Michelle somente empinasse a bola de manchete para as pontas já faria um papel melhor do que Ju Carrijo, pois Monique, Mari e Kim Glass são muito melhores ponteiras que as do SESI, bastava que elas recebessem uma bola adequada!!!
Perdi a conta de quantas vezes a MONIQUE teve que passar a bola p/o outro lado de toque ou de manchete de tão baixa que ela vinha...
Nas pontas, Mari, Glass e Michelle quase não recebiam bolas, e quando vinha, a bola estava espetada, passada da antena ou curta demais, encaixatoda no bloqueio etc... Agora receber bolas nessas condições com FABIANA CLAUDINO na marcação do bloque é humilhante para a ponteira, não é mesmo???
Nem uma bola mais curta e decente para as centrais Natália, Mayhara ou Letícia, a Ju Carrijo conseguia levantar. Frequentemente via as 3 centrais repetirem o mesmo movimento de BRACINHO ENCOLHIDO DE TIRANOSSAURO REX para atacar uma bola BAIXA da CARRIJO!!!
Na verdade enquanto do outro lado havia 2 LEVANTADORAS CAMPEÃS OLÍMPICAS, DANI LINS e CAROL ALBUQUERQUE, atuando muito bem, do lado do Praia havia uma ABAIXADORA. Sim ABAIXADORA, e não LEVANTADORA, porque CARRIJO em vez de levantar estava cada vez mais ABAIXANDO AS BOLAS, tirando qquer condição de ataque de suas companheiras;
O juiz do jogo foi EXTREMAMENTE TOLERANTE, poderia ter marcado muito mais 2 TOQUES do que marcou!!!
Não posso deixar de CULPAR o SPENCER por sua estrema PASSIVIDADE e FALTA DE PULSO com a DESOBEDIENTE JU CARRIJO, que ele próprio chamou de egoísta, mas que incrivelmente ficou o TEMPO TODO EM QUADRA sem ser substituída!!!

Zé Henrique disse...

Realmente, o Sesi piorou demais de janeiro/fevereiro para o jogo de ontem!
Se jogar assim contra o Osasco, como bem falou a Laura, será um jogo de um time só.
A esperança é que em uma semana elas consigam editar a versão Sesi do segundo turno.
Milagres acontecem.
A Bia vai jogar as semifinais ou está fora?
Eu sou fã do modo como o Spencer Lee conduz suas jogadoras.
Sempre polido e sempre preferindo conversa à berros.
Mas parece que aqui e ali uns gritos e uma cara feia faz falta.

PS: Dani Lins antipática?!
Além de linda e talentosa é super gente boa, cara!
Ela é para casar.

Anônimo disse...

JU CARIJÓ??? Seria parente da Galinha Pintadinha??? Carijó é demais, morri de rir!!!

Anônimo disse...

O Sesi não precisa contratar uma libero, o Sesi tem a Juliana Paes que por inumeras vezes ganhou premios com a seleçao de melhor passadora e entre outros. É jovem e mto ágil o oposto de Suelen que é fora de forma e nao tem pique pra pegar as bolas q é coisa de libero. Acho q o Talmo poderia dar chance a Juliana, pra ela mostrar serviço, e nao confiar na Suelen sem mobilidade. E,.. prefiro a Daroit e a Dayse nas pontas, nao a Suele que é incostante.
Rayrone

Anônimo disse...



Fabiana x Mayhara
Dani Lins x Ju Carrijo

Pronto.

Nem precisa dizer q time iría passar pras semifinais né?

Anônimo disse...

Na Europa nao tem levantadora q preste gente. Execao da Lo Bianco.

As melhores estao aqui no Brasil mesmo e na Ásia.

tuliobr disse...

Temos semifinais. Não dá para dizer que foi surpresa, afinal antes do campeonato começar muitos acertariam os quatro semifinalistas, havendo só a dúvida quanto ao SESI e ao Praia. Fiquei com a impressão de que o time do Talmo, depois de um extraordinário esforço de recuperação que culminou com o inesperado título sul-americano, começou a cultivar um sentimento de dever cumprido que apontou a linha da performance do gráfico para baixo; só Dani Lins e Fabiana parecem ainda ter sede de vitória (e talvez seja esse um dos motivos para elas serem campeãs olímpicas e suas colegas de time, não). O Praia lutou o que pôde, mas paga o preço por erros, apostas malogradas ou simples azar na temporada. Acho um exagero cruel crucificar a Ju Carrijo atribuindo-lhe toda a culpa pelos problemas do Praia; é simplificar demais. A levantadora está em mau momento técnico, talvez o pior de sua carreira, e não pôde contar com a mais uma vez contundida Camila Torquette para aliviar a pressão. Spencer falhou em restituir-lhe a confiança, e vimos em quadra uma Ju Carrijo apavorada, que em nada lembrou atuações passadas que já renderam elogios. Do outro lado a também outrora muito criticada Dani Lins mostrou uma solidez de personalidade que sua adversária precisa assimilar; alguns de seus levantamentos para a Fabiana foram sobrenaturais e deviam fazer pagar uma temporada no purgatório todos aqueles que um dia a chamaram de "Pane" Lins. Espero que a jovem Ju Carrijo não se abale e use esse mau momento como combustível para uma retomada em sua carreira, pois seria um desperdício abrir mão do seu potencial.

Anônimo disse...

A melhor levantadora do mundo é a tailandesa Tomkom, que esta no Rabita Baku.
As duas melhores centrais sao; Thaisa e Fabiana, uma no Molico e outra no Sesi.
Melhores ponteiras são; Garay e Larson. Uma no Fenerb§che e outra no Dinamo Kazan.
A melhor oposta é a Sheilla e a Hooker. Uma no molico e outra no clube portorriquenho Criollas de Caguas.
Libero é a Dominicana Brenda Castillo, que esta com o contrato encerrado com o Rabita Baku do Azerbaijão,até entao sem clube.

Anônimo disse...

A melhor ponteira da atualidade é a coreana Kim. MVP em Londres.

Rose L. Sousa disse...

Show de horrores o jogo, difícil de assistir,estava torcendo pro Praia, mas toda vez que a Ju pegava na bola sentia arrepio. Que pena que no dia que a Mari estava inspirada, a levantadora estava mais perdida que cego em tiroteio.
Torço pela recuperação da Jú Carrijo, e que esses jogos tenham sido só momentos ruins.
Quanto a Suellen, já cansei de falar,ela não tem biotipo pra jogar vôlei em alto nível, tenho a impressão de que ele engordou mais. Ela diz que tem problema de tireoide, que vá se cuidar então, faça um tratamento sério, emagreça, não dá pra ter uma jogadoras nessas condições em quadra. Ela parece conformada com a situação, pois deu uma entrevista em tom de brincadeira que engorda só de olhar a comida. Acorda minha filha, vai se cuidar, mês que vem vocês vão disputar um mundial e você vai ser o principal alvo das sacadoras.

Anônimo disse...

Um exemplo claro de que as jogadoras devem treinar TODOS OS FUNDAMENTOS DO VÔLEI independente da sua função em quadra é a Central Thaísa do Molico.
Ela desempenha muito bem o papel de levantadora quando as levantadoras Fabíola ou Ana Maria defendem a bola e sobra pra ela fazer o levantamento. Thaísa tem um toque muito bom e levanta muito bem tanto para a entrada, quanto pela saída de rede e tbém pelo meio-fundo.
Se o Praia tivesse uma Thaísa, o problema estaria resolvido...
Mas tudo isso é treino!!! Vocês não acham que a Thaísa executa esses levantamentos com habilidade e de forma confortável porque essas situações são simuladas em treino?
Claro que sim, Thaísa treina levantar nessas situações em que a levantadora defende e quando chega no jogo faz isso de forma natural!!!
Portanto, se no Praia houvesse treino para que outras jogadoras pudessem desempenhar a função de levantamento, o time não ficaria tão perdido assim com a PANE da JU CARRIJO.

Anônimo disse...

Infelizmente, independente do resultado e das diversas situacoes q ocorreram nessa SL, o nome q vai ser mais lembrado, vai ser JU CARRIJO.

Mal ou bem,

Ela entrou pra história.

Anônimo disse...

Acho que faltou CORAGEM e PULSO ao SPENCER para tentar alguma coisa.
Porque não tentar alguma coisa, já que o jogo estava tão parelho?
Nas olimpíadas 2012 quando o Brasil vencia a Rússia por 2x0 e parecia que faria 3x0, o técnico russo deslocou o MUSERSKY do meio para a saída e foi CAMPEÃO OLÍMPICO.
O mesmo aconteceu com FERNANDA VENTURINI que de OPOSTA foi improvisada como levantadora nas olimpíadas de 1988.
Com o oposto Théo, no MUNDIAL 2010, que foi improvisado como levantador.
O que não pode acontecer é o técnico ser passivo, ver a classificação escorrer pelos dedos e não tomar atitude.
Porque não ter arriscado com a levantadora reserva PAULA LAURA, ou então improvisar LETÍCIA HAGE ou MICHELLE PAVÃO no levantamento?
Com as atacantes que tem, o PRAIA poderia muito bem ter vencido o SESI, bastava ter alguém para empinar a bola, nem que fosse de manchete.
O Praia e o Spencer perderam uma oportunidade grande de estar na semifinal da SUPERLIGA pela primeira vez, por causa do exclusivamente do levantamento, pois nos demais fundamentos o Praia era superior ao SESI.

Anônimo disse...

Unilever agora eh outro, nao eh o mesmo da fase de classificacao, pois sempre cresce nos play-off's.
Para hoje AMIL 0x3 UNILEVER: O AMIL vai tremer contra o UNILEVER.
A unica jogadora do AMIL que eh melhor q as do UNILEVER eh a matadora TANDARA, no mais , o elenco da UNILEVER eh superior ao do AMIL.

Eduardo Almeida disse...

Quanto ao jogo do Praia eu também estava pensando isto hoje. O Spencer bem sabia que a Juliana estava insegura nesta fase final. Será que ele nem tentou em treino a possibilidade de usar a Michele no levantamento?
Também acho que falta esse tipo de ousadia no vôlei brasileiro, o máximo que temos é o Amil que a Tandara é ponteira não passadora, mesmo assim, é um esquema que dificilmente seria utilizado na seleção.