A fraqueza que pesa a favor do Unilever


A decisão de domingo é inédita, mas o curioso é que teremos uma final entre a melhor (Sesi) e a pior recepção do campeonato (Unilever). Exatamente o fundamento que roubou a cena, de forma negativa, nesta temporada da Superliga. 

Mas o mais curioso ainda é que o Unilever pode considerar esta liderança ao avesso um ponto a favor. Explico meu raciocínio:

Apesar da péssima qualidade, o passe não foi suficiente para impedir que o Unilever chegasse à final. O time deu uma controlada nos erros de recepção na semifinal, sem dúvida, mas continua apresentando recursos individuais que contornam os prejuízos do passe.

O Unilever tem atacantes que pontuam mesmo com as bolas mais quadradas: Mihajlovic e Pavan. A sérvia está em ótima fase. A canadense esteve apagada nas semifinais, mas eu acredito que ela possa fazer a diferença no ataque nesta final.

O Sesi não tem este recurso. Não foi por coincidência que a recepção foi o fundamento que o colocou de volta na disputa do campeonato. Desde que a Suelle se confirmou como titular, a equipe arrumou a linha de passe e se encaminhou para a ponta da tabela. Antes, com um passe ruim, o Sesi simplesmente não existia.

O time do Talmo só joga se o passe estiver em condições da Dani Lins explorar a Fabiana e colocar todas as suas ponteiras para jogar. Ele precisa deste conjunto. A Ivna não segura um ataque sozinha. Ela não mostrou estar preparada para ser a bola de segurança do time.

Em resumo, o Sesi é muito mais sensível a qualquer instabilidade no passe. A semifinal contra o Molico mostrou isso. Se o Unilever botar pressão no saque – e o Bernardinho deve estar programando minar a líbero Suelen – o Sesi acaba. O mesmo não serve para o Unilever. Mesmo com um bom saque, obrigatório para o jogo não chegar nas mãos da Fofão, o time do Rio ainda sobrevive. O Sesi vai precisar mais do que esta estratégia para levar o seu primeiro título.



*************************

Mais+

Retomando alguns assuntos da semana:

- O Zé Roberto confirmou sua saída do comando do Vôlei Amil. Agora, ele é treinador exclusivo da seleção. Ótimo. É o mais saudável para todo mundo: jogadoras, seleção e ele mesmo. O que não me agrada é que ele ainda manterá algum cargo no time de Campinas. Acho que isso impede a distância necessária para fazer as avaliações das atletas. Mas já foi um passo importante para a seleção brasileira, que, inclusive, teve a sua primeira convocação do ano...

- ... sem contar com as jogadoras do Unilever, Sesi e Molico. Estão lá: Ana Tiemi, Angélica, Michelle, Jaqueline, Natália, Andréia, Monique e Tandara.

É bom ver nesta lista a Andreia e a Jaqueline.

Eu tenho meus pés atrás com a Tiemi. Não acho que a experiência na Turquia, por si só, a credencie para a seleção, mesmo que o time dela esteja fazendo uma boa campanha. Acho que temos que esperar para ver. As notícias enganam e, sem poder acompanhar de perto as partidas que ela faz, fica difícil saber se ela não está sendo supervalorizada. O mesmo aconteceu com Fernandinha e Érika na época das suas experiências internacionais.

Posso estar sendo bem idiota, mas espero que o Zé Roberto não tenha descartado de vez a Claudinha. Ela sim eu gostaria que tivesse chance de ser realmente testada na seleção.

- O Spencer Lee saiu do Banana Boat/Praia Clube, que contratou para seu lugar o Ricardo Picinin, que estava no Vivo/Minas. Vai ser difícil disassociar o Praia do Spencer, afinal o treinador é um dos grandes responsáveis por este projeto ter ganhado importância e ter se feito notar mesmo quando não tinha um elenco de estrelas. Mas acho que a mudança vai ser boa para o time, que precisa de uma renovação geral. O importante é que o trabalho em Uberlândia continua e que o Spencer não fique sem time, pois ele é competente. 


*************************
 
Pê ésse:
- Sei que o Zé saiu do Vôlei Amil, mas deixo um veneninho: será que a Tiemi não vai ser a nova levantadora de Campinas? Apesar da experiência negativa no Vôlei Futuro, acho que o Paulo Coco trabalharia com ela numa boa.

 

Comentários

Sergio Roberto disse…

Se a Ana Tieme fechar com o Amil, vai ficar comprovado que o Zé Roberto não tem isenção no comando da seleção. Como diria o outro: Vai ser uma vergonha
Welmer disse…
Concordo com você, Laura.

Acho que se o time carioca tirar o passe da mão da Dani o jogo estará encaminhado já que Ivna, Dayse e Suelle não transmitem o mínimo de confiança.

Com relação a convocação do Zé, gostei muito do fato dele ter chamado a Andreia e a Jaque. Andreia fez uma Superliga muito boa e mereceu essa convocação, já a Jaque está em ótima forma física e acho que ela ganhando ritmo de jogo tem totais condições de brigar com as demais ponteiras por uma vaga no mundial.

Agora, achei curioso a convocação da Ana Tiemi e a não convocação da Claudinha. Pra mim, a Cláudia merecia muito mais essa convocação que a japa. Acho que povo, por não vê-la jogar, mas vê o time dela bem classificado, imagina que ela está "fazendo chover" lá na Turquia, mas na verdade ela pode continuar a velha e conhecida Ana Tiemi, cheguei a ver dois jogos dela nessa temporada e não achei nada demais, nada que eu já não tivesse visto antes. Por isso acho que a Claudinha merecia mais essa convocação que ela, Claudinha fez uma boa Superliga e nós vimos ela jogando, não imaginamos como ela está jogando, como é o caso da Ana Tiemi. Assim que eu li o nome da Ana Tiemi nessa lista a primeira coisa que pensei foi: Será Ana Tiemi a nova levantadora do Vôlei Amil?
Anônimo disse…
Acho q tanto a Tiemi quanto a Claudinho vao ser convocadas para sel.B. As duas juntas fazem uma boa dobradinha. Dani Lins e Fabíola sao da Sel. A. Q vai pro Mundial.
Aline disse…
Achei injusta a NAO-Convocacao da Claudinha. O Ze usa, usa e depois descarta? Assim como foi injusto c/a Fabiola no corte as vesperas das olimpiadas, foi injusto c/Claudinha agora!
Tiemi NAO FEZ ABSOLUTAMENTE NADA p/ser convocada!
Qdo jogou c/elencos fortes, favoritos ao titulo, nao suportou a pressao e foi pro banco, bancou p/Carol no Osasco e p/Ana Cristina no Volei Futuro.
Jogar num time de quinta categoria que sequer chegou as semifinais do turco nao a credencia a estar na selecao! Convocacao inexplicavel e sem sentido! Nao vi Tiemi fazer NADA DEMAIS NESSE BURSA!!!
Se fosse dar chance a alguem q desse a Macris ou a Claudinha de novo!
Tiemi eterna protegida, varias vezes convocada sem merecer!
Anônimo disse…
Laura, adoro o seu blog, quanto a postagem não concordo com a convocação da Tieme e Angelica (reserva no amil), chamaria Claudinha e Vivian meio do pinheiros, quanto a final, acredito que o Rio vencerá, mas gostaria que o SESI reescrevesse o roteiro.

Att, Jardel Lins
Aline disse…
Coitada da FOFÃO!!! Depois dessa final ela merece ser CANONIZADA!!!
O Papa Francisco, se viu a final transformará a Fofão em Santa.
MIHAJLOVIC fez de tudo para acabar com raça da Fofão, fez ela correr, se jogar no chão, atropeçar e se desgastar ao máximo para tentar consertar os passes ridículos da MIHAJLOVIC.
FOFÃO jogou a final com dores devido à contusão na panturrilha, e a Sérvia contribuiu muito para essa contusão fazendo sua levantadora se desgastar mais que o necessário e na final martirziou Fofão mais ainda.
Enfim, Fofão não teve que vencer apenas o SESI, teve que vencer Mihajlovic também. Foi a jogadora mais guerreira em quadra, jogou essa final como se fosse a primeira da sua vida, correndo e motivado como uma estreante, aliada a técnica e a experiência de toda a sua carreira. Com certeza uma verdadeira MVP!!!
FOFÃO não pode parar, o vôlei precisa dela!!! Emocionante vê-la ser OVACIONADA num MARACANÃZINHO lotado, elogiada tanto pelas companheiras como pelas adversárias, a melhor e mais dedicada levantadora do mundo em atividade!
Gabi Guimarães se superou para suprir a deficiência da Sérvia.
Juciely e Ana Carol estiveram impecáveis.
Fabizinha a melhor líbero do brasil, defendeu TUDO!!!
Amanda incrível, sempre entra quebrando o passe.
Inversão do 5x1, com Roberta e Bruna foi providencial para aliviar um pouco a Fofão.
Régis entrou qdo Mihajlovic estava levando de vez o time pro brejo.
Com exceção da Mihajlovic, todas as jogadoras da UNILEVER se superaram na final!!!
Depois da final minha seleção da Superliga é:
Levantadora:Fofão,
Oposto: Monique,
Meios: Ana Carolina, Juciely, Ponteiras-Passadoras com "P" maíúsculo: Michelle Pavão, Gabriela Guimarães,
Líbero: Fabizinha
Tecnico: Bernardinho.

Não dá para escolher ponteiras que não passam, elas deixam o jogo horroroso e se não tiver uma FORA-DE-SÉRIE levantando como a Fofão a partida vira uma PELADA BRAVA. Então a favor de um voleibol bonito, técnico e bem jogado, nunca vou por MIHAJLOVIC na minha seleção!
Laura disse…
Obrigada, Jardel!

Pois é, gente... Como não acompanhei os jogos da Tiemi, não posso falar sobre as suas atuações. Mas que a Claudinha merecia a convocação, merecia. O Zé aposta nela e a queima logo depois? Espero sinceramente q seja só "um tempo" e ele a volte a convocar.
Este comentário foi removido pelo autor.
A respeito das convocações...

Acho que a convocação da Andreia é muito mais que merecida, fez uma grande superliga e acredito sim que pode ser decisiva em momentos de dificuldades. Ótima escolha.

Quanto a Jaqueline...gostaria que alguém me contraria-se caso esteja errado mas existe alguma outra ponteira no Brasil com a mesma qualidade de passe e que apresente tanto volume de jogo quanto a Jaqueline apresenta tanto na seleção como no Osasco. Ela pode não ser a ponteira de definição como a Fernanda Garay ou a Tandara mas ainda acho que o Brasil esta muito carente de ponteira passadora. Um forte exemplo e diria que o exemplo mais claro foi o declínio do time do Osasco na semifinal da SuperLiga deste ano com a troca da Jaqueline pela Bozetti, terminou o campeonato e até agora a recepção do Osasco não se acertou e jogou a temporada toda na instabilidade, a dois anos atras na mesma situação o Osasco tinha a Jaqueline e Camila Brait assumindo o fundo de quadra deixando a Tandara com o minimo possível de cobertura de passe (o que a deixava livre pra atacar embora aquele ano foi o ano da Hooker.) Acredito sim no potencial da Jaqueline, ela sem duvida pode sim voltar a jogar em alto nível e muito rapido (visto que já ficou 2 anos parada e voltou)...achei a decisão do Zé Roberto muito sensata e inteligente.

Achei que ele foi burro ao tentar transformar a Natalia nessa jogadora mais de preparação, a Natalia é de explosão...o Lugar dela é como oposta ou como ponteira de definição

Quanto a Claudinha eu sempre achei ela muito habilidosa desde os tempos do Minas, mas se parar pra analisar, o jogo que ela fazia no Minas ficou muito igual ao que fazia em campinas, ela não tem muita confiança pra distribuir de forma proporcional. No Minas o jogo era declaradamente encima da Herrera e da Ramirez e no Campinas sobre a Tandara e as vezes a Kristin. Acho que não convoca-la realmente é uma maldade mas ela precisa amadurecer um pouco e isso ela vai pegando com a vivencia em clubes. Mais ainda acho que a Dani Lins e Fabiola deve ir ao Mundial...embora a goste muito mais da Fabiola do que da Dani Lins, tenho que concordar que a Dani Lins esta numa grande fase.

Ana Tieme ainda não convence.

Gostaria de opiniões a respeito de ponteiras passadoras (Preparação)...olhando no cenário atual só vejo a Jaqueline e a Sassá.