Problemas sem fim


E o inferno astral do Spencer Lee não acaba. Quando mais ele precisava ter a Camila Torquette à disposição, não teve. A levantadora reserva teve que operar o joelho novamente. A atuação da Ju Carrijo hoje foi de dar dó e o Spencer só tinha como opção a jovem Laura, de 19 anos, que mal treinou com o time nesta temporada.

Provavelmente a Ju bateu o recorde de dois toques numa partida. E é engraçado, mês passado o ex-treinador Rodrigo Kovalski, do blog Falando de Vôlei, comentou que os árbitros não marcavam, mas a Ju “a cada três levantamentos, em pelo menos um comete dois toques”. Se não são dois toques, são toques ruins para as atacantes.

Enfim, o problema com a Ju não foi novidade tampouco a dificuldade para Banana Boat/Praia Clube pontuar na virada de bola ou nos contra-ataque. É um time nem-nem, para se utilizar uma expressão da moda. Não é ofensivo nem forte defensivamente. Tem volume de jogo? Sim, mas a defesa pouco se transforma em ponto. E é muito pouco agressivo no bloqueio – Spencer deveria abrir mão de uma das centrais atuais para colocar a Letícia Hage. 


**********************

Mas admito que não esperava lá grande coisa do Praia Clube nesta partida. Por isso, minha decepção maior ficou com o Sesi. Hoje as jogadoras demoraram para engrenar. Os problemas na recepção voltaram a aparecer, houve desperdícios de ataques e as jogadoras pareciam desatentas na defesa, cometendo erros básicos.

O Sesi conquistou neste segundo turno uma solidez, uma consistência em todos os fundamentos. E não foi o que vi neste primeiro jogo de quartas. Os melhores momentos do Praia na partida foram quando o Sesi permitiu com os seus erros que ele avançasse. O time do Talmo já mostrou que joga muito mais do que isso. Se não fosse a mão descalibrada das levantadoras do Praia hoje, o Sesi iria suar muito mais para vencer.

Comentários

João Lucas disse…
Algumas constatações da partida:

1- Ju Carrijo continua péssima.
2- Spencer deveria pensar na próxima temporada, pois, essa já era.
3- Laura é tão ruim quanto Carrijo e Torquete.
4- Juliana só sabe levanar bolas de meio.
5-Mesmo Nati Martins e Mayhara sendo excelentes atacantes, Spencer deveria investir mais em Letícia Hage, ela é uma excelente bloqueadora.
6-O Praia merece uma líbero melhor.
7- Dani Lins é a rainha do levantamento.
8-Ivna está em grande forma física e técnica.
9 - Suelle e Suellen arrumaram o fundo de quadra do time paulista.
10- Fabiana está voando.
11- Bia deve ser terceira central da seleção.
12 - Mesmo Daroit sendo irregular no passe ela é melhor atacante e sacadora do que Dayse, então, deve ser titular.
Welmer disse…
Depois dessa temporada acho que o Spencer deve ir atrás de uma levantadora que dê conta do recado. Cheguei elogiar a Ju durante a temporada passada, achava que ela tinha potencial, mas sua queda de rendimento foi evidente nessa temporada, imprecisa e com falhas na distribuição, ela tem colocado o time do Praia em situações pouco confortáveis.

Do lado da equipe do SESI, destaco a Dani Lins. Hoje, é sem dúvida alguma a melhor levantadora do Brasil. Depois de Londres ganhou uma maturidade que fez muito bem para ela, ela tem jogado com muita consciência, e tem feito um time com Dayse e Suelle, jogadoras apenas medianas no ataque, ganhar. Como disse o próprio Rodrigo no twitter, Laura, se trocassem a levantadora do Praia pela levantadora do SESI, o time do Praia faria 3x0 rapidinho.

Quanto as constatações do João, discordo de duas:

- Ivna está sim em grande forma física, seus golpes têm muita potência, mas acho que tem que melhorar tecnicamente. Pra mim, o saque dela é ruim (acho que ela poderia investir num saque viagem) e ela pouco varia a direção de seus ataque (ou é diagonal longa ou é 'paragonal'). Acho que se ela melhorar nesses aspectos, ela pode dar muito mais trabalho para as adversárias. Mas é inegável dizer que saída de Osasco fez muito bem para ela.

- Quanto a Bia, acho que ela tá fazendo uma Superliga muito boa, mas o voleibol dela não me agrada. Ela é uma ótima bloqueadora, mas seus ataques me incomodam muito. Tudo bem que a Adenízia não tá fazendo uma boa temporada, mas ainda acho que ela tem mais voleibol que Bia.
Anônimo disse…
Balcão de Empregos:
Precisa-se, urgentemente, de uma levantadora para trabalhar no Praia Clube, em Uberlandia.

Meu Deus, nunca vi tantos erros de levantamento em um jogo só. Ju Carrijo não é nem sombra da jogadora que foi a revelação da temporada passada. Spencer Lee já deve começar a pensar em uma levantadora pra proxima temporada. Opções não faltam. Tem a Ana Tiemi , que tá batendo um bolão na Turquia, além de ser uma jogadora alta (1,87) e temos tambem a Fernandinha. O time tambem carece de uma líbero... a Tássia só faz passe de B pra pior, alem de não defender quase nada. O Praia foi a minha grande decepção da temporada. O time sofreu com lesoes e desfalques, mas isso não tira o peso da equipe.
Aline disse…
Que diferença, assistir a uma partida com os toques limpos e perfeitos do William e poucas horas depois ver o show de 2 toques de Juliana Carrijo foi deprimente.
A central Thaisa tem o toque muito mais limpo e bonito que muitas levantadoras por aí. E se Thaísa, algum dia quiser investir na carreira de levantadora, terá muito sucesso. Sempre que a Fabíola está na defesa e a bola sobra pra a Thaísa levantar, ela executa o fundamento com perfeição, seja levantando para entrada, para a saída ou pelo meio-fundo.
O nível técnico do feminino, se comparado ao masculino está muito baixo, horroroso mesmo. É decepcionante ver uma partida do nível Cruzeiro x Minas e depois ver o show de erros de Sesi e Praia Club…
A Superliga começou em Setembro, já estamos quase em Abril e as equipes femininas continuam desentrosadas, batendo cabeça… O que está acontecendo com o voleibol feminino???
Quando penso que já vi tudo que William pode fazer e não vou mais me surpreender, vem o “EL MAGO” com essa atuação impecável e faz emocionar o público.
WILLIAM começou o jogo a mil por hora e com sua distribuição que beira a perfeição deixou o bloqueio e a defesa do VivoMinas totalmente perdida: resultado massacrantes 21×11 no primeiro set.
Ao fim de jogo, o próprio levantador Marcelinho afirmou que William é o que o Brasil tem hoje de melhor na posição.
Marcelinho tbém fez uma boa partida e numa troca de gentilezas também foi elogiado por William.
Porém, mesmo tendo muitos clássicos e os times se conhecerem bastante, estava muito difícil para o VivoMinas marcar as jogadas do Sada Cruzeiro ontem.
Espero um confronto mais equilibrado entre VivoMinas e Cruzeiro na próxima partida. Sei que o VivoMinas tem condições de levar a semifinal para o terceiro jogo, mas ganhar 2 jogos seguidos do Cruzeiro seria um feito hercúleo.
O Cruzeiro, a cada dia, se torna mais favorito ao título, e só uma catástrofe poderá mudar essa sina. Não vejo nem o SESI, nem o BrasilKirin em condiçoes de tirar o título do Cruzeiro.
Aline disse…
Cada vez que leio uma notícia dessa fico extremamente decepcionada!!!
Porque no Brasil as coisas tem que ser sempre assim OBSCURAS???
Uma decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspendeu a final da Superliga B, pois o SADA/CONTAGEM usou de MALANDRAGEM e sem NENHUM FAIR-PLAY escalou irregularmente o ponteiro Kadu e o levantador Lucas Salim, que atuaram na Superliga 2013/14 no dia 13 de março pelo SADA/CRUZEIRO. Pelo regulamento da Série B, os atletas não poderiam jogar pelo SADA/CRUZEIRO no dia 13 pela série A ter retornado à competição pelo SADA/CONTAGEM no dia 18 de março.
Gosto tanto do SadaCruzeiro CAMPEÃO MUNDIAL, que vem fazendo partidas incríveis, de encher os olhos, mas seria mesmo necessário o projeto SADA manchar sua imagem usando de TRAPAÇA para chegar à FINAL DA SÉRIE B também???
Porque no Brasil as pessoas teimam em agir como o personagem DICK VIGARISTA do desenho animado CORRIDA MALUCA???
Porque a MAL FADADA "LEI DE GERSON" de "LEVAR VANTAGEM EM TUDO" está sempre acima das outras leis???
Estou muito decepcionada com essa atitude CORRUPTA, MATREIRA, DESLEAL, SEM NOÇÃO e RIDÍCULA do SADA/CONTAGEM!!!
Será mesmo que o pessoal do SADA/CONTAGEM estava pensando em BURLAR O REGULAMENTO e que isso passaria batido???
Levando em consideração o histórico de CORRUPÇÃO brasileira, seria bem provável que essa maracutaia do Sada/Contagem passasse mesmo batido...
Espero que o Sada/Contagem seja punido exemplarmente e seja DESCLASSIFICADO da competição e vaga da final da competição fique com a equipe do Voleisul/Paquetá Esportes, que foi DIRETAMENTE PREJUDICADA com essa trapaça do Sada/Contagem.
Até esse episódio deprimente, admirava muito o projeto do SADA NO VOLEIBOL. Mas manchar o projeto com uma atitude dessas FOI TOTALMENTE DESNECESSÁRIO e PREJUDICIAL à MARCA SADA.
Continuo admirando o SADA/CRUZEIRO, CAMPEÃO MUNDIAL, e a organização com que sediaram o CAMPEONATO MUNDIAL, mas nunca esperava que depois de tantas coisas boas para o voleibol, o projeto SADA fosse PISAR NA BOLA desse jeito, tentando burlar o REGULAMENTO da série B para levar vantagem indevido.
Enfim, lamento muito e que sejam PUNIDOS!!!
Anônimo disse…
Hoje realmente a Ju Carrijo derrotou o próprio time . Gente, nunca vi tantas irregularidades no levantamento como hoje . Parecia uma amadora perto da grande Dani Lins, que mostrou mais uma vez que é a melhor levantadora do Brasil . A série Unilever-Pinheiros me parece
mais equilibrada que Sesi-Praia . Fiquei esperançosa com o jogo do Rio . Não foi perfeito, mas pelo menos, pela primeira vez não vi Bernardinho precisar substituir uma das ponteiras ou a Sarah . Acho que elas estão tentando se recuperar emocionalmente, e playoff é sim outro campeonato . Pq no papel é um timaço !! Eu ainda acredito que é possível vencer o Amil numa futura semi .
Anônimo disse…
O Praia foi um time q "solou" nessa SL, entrou com uma expectativa forte, no trio Herera-Mari-Glass mas nao consolidou por diversos fatores, Hj a Glass isolou bolas em momentos cruciais do jogo, Mari foi bem mas com levantamento dessa menina putz..
conseguir atacar se torna uma missao quase impossível.

Crowley.
Anônimo disse…
Meu Deus! Coitada da Mari. A Ju Carrijo não conseguiu levantar uma bola pra Mari. Fico imaginando a cabeça do Speencer. O Praia contratou ponteiras demais, e esqueceu de contratar uma levantadora decente. A Ju é uma boa levantadora, mas suas reservas... Aff! Mesmo se a Torquete tivesse bem, ainda é péssima. Vamos ver o que o Praia faz em casa...
Aline disse…
Laura, amanhã, dia 26-3-14, tem JOGAÇO NA EUROPA!!! Trata-se do jogo de ida da FINAL DA COPA EUROPEIA DE VOLEI entre as galáticas do Fenerbahce e as russas do Uralochka.
As maiores estrelas do Fenerbahce são:
1. O técnico italiano MARCELLO ABBONDANZA;
2. A campeã olímpica FÊ GARAY;
3. A Central francesa CHRISTINA BAUER, atacante mais eficiente da competição;
4. A Central turca EDA ERDEM;
5. A Oposta checa ANETA HAVLICKOVA;
6. A Ponteira-passadora, MVP OLÍMPICA, KIM YEON-KOUNG;

Pelo Uralochka, temos:
1. O lendário técnico NIKOLAY KARPOL, BICAMPEÃO OLÍMPICO em 1980 e 1988, e VICE-OLÍMPICO em 1992, 2000 e 2004.
2. A maior estrela do time é a ponteira cubana YUMILKA RUIZ, membro do Comitê Olímpico Internacional, BICAMPEÃ OLÍMPICA(1996 E 2000)e BRONZE em 2004, com seus ataques fulminantes auxilados pela fenomenal impulsão e alcance de bola.
3. A outra ponteira é VIKTORIA CHAPLINA da seleção russa;
4. A Central russa IRINA ZARYAZHKO também da seleção russa.
Eduardo Araujo disse…
Opa andei lendo uns blogs e cheguei a uma conclusão como é fácil criticar.

Eu não sou daquelas pessoas que glorificam e nem condenam uma jogadora.

Lembro bem que no ano passado essa mesma levantadora do Praia jogou bem, e as pessoas ate chegaram a pedir uma oportunidade para ela e a levantadora do pinheiros, na seleção brasileira B.

Eu ainda falava que para ir para uma seleção brasileira o atleta tem que ser constante alguns anos, a fofão em uma entrevista falou que uma coisa é vc jogar sem responsabilidade outra e vc estar em um time grande e jogar com muita responsabilidade.

A levantadora do Praia realmente não esta fazendo uma temporada boa esta instável assim como todo o time do praia.

Oq não pode é algumas pessoas jogarem a culpa da formação do elenco no técnico pq manteve, oq eles falam agora de levantadora horrível.

O problema é que as pessoas que estão falando isso agora, são as mesmas pessoas que pediram ela na seleção B o ano passado.

O fato é que houve uma mudança de investimento, o elenco do praia é para disputar as semis e é bem provável que a Ju Carrijo não tenha cabeça para ter essa responsabilidade ainda.

Mas é vdd também que não temos uma quantidade boa no mercado de grandes levantadoras, o SESI tem a Dani, O amil a Glaudia e o Molico a Fabíola essas são as levantadoras que estão na seleção brasileira, tem também a Ana Tiemi que no Brasil não estava indo bem, e revesava a titularidade no vôlei futuro e muito criticada aqui.

Como a erica falou, no vôlei primeiro você pensa na levantadora para depois montar um elenco usando as características dessa levantadora.

O Bernadinho falou a mesma coisa pouco antes das olimpíadas, mas usou o exemplo do Ricardinho e do Vissoto...

Como vc sendo técnico vai dispensar uma jogadora que esta sendo elogiada e ainda pedem para ter uma chance na seleção B? No ano passado a Ju ganhou o direito de continuar no elenco desse ano.

Mas as vezes acontece de o time não da liga, mas não acho que o grande problema do time esteja unicamente na levantadora.
Anônimo disse…
Nossa, que belissima partida da MONIQUE neste Sabado!!! So faltou fazer chover em quadra!
Monique esteve impossivel no SAQUE, no ATAQUE e na DEFESA. Toda vez que ia p/o saque complicava o passe do SESI c/um saque muito bem executado e venenoso que nem a propria libero conseguia se safar. Nao bastasse isso Monique defendeu muito e logo em sebuida ja estava se apresentando p/o contra-ataque. Impressionante a agilidade e o preparo fisico dela para SACAR FORCADO, DEFENDER O ATAQUE DO SESI e LOGO EM SEGUIDA EXECUTAR O CONTRA-ATAQUE pelo fundo de quadra, ou seja, um ponto praticamente todo dela que comecou com excelente saque e terminou num contra-ataque fulminante.
Muito boa tbem a visao de quadra da Monique e sua capacidade de variar o ataque buscando os pontos mais vulneraveis do adversario alternando paralelas, diagonais longas e curtas, largadinhas, exploradas no bloqueio etc...