Seleção Papo de Vôlei - Superliga 12/13

A Superliga 12/13 chega ao seu final e junto com ela o momento mais aguardado pelos participantes do site (exagero? Imagina!): a escolha da Seleção Papo de Vôlei.

Para participar, é só mandar o seu sexteto + líbero + técnico escolhidos nos comentários dos posts aqui do blog até o dia 30/03 07/04. Depois de feita a contagem, anuncio o resultado final.

Lembrando: só serão considerados os comentários assinados. Assim quem quiser votar mais de uma vez ao menos vai ter o trabalho de inventar um nome ou apelido. Ok?
**********************

Para abrir a votação, aqui vão os meus escolhidos (com direito a alguns comentários para dividir com vocês as minhas dúvidas ao elegê-los):

Levantadora: Juliana Carrijo.

Difícil escolha, pois não vi nenhuma levantadora com grande destaque. Os principais nomes não chamaram a atenção, por isso, fico com quem confirmou este ano a qualidade apresentada na temporada passada. No caso, a Juliana.

Meios de rede: Jucy e Thaísa.

Fiquei em dúvida para escolher a companheira da Jucy. Temos as boas surpresas da Aline, do Sanca, e da Ana Beatriz, do Sesi. Fabiana foi importante no ataque para o Sesi, mas optei pela Thaísa por ser mais completa.

Ponteiras: Garay e Tandara.

Aqui, a opção foi pelo ataque. Se quisesse mais equilíbrio, o certo seria escolher a Jaqueline. Mas como deixar a maior pontuadora ou a melhor atacante da SL de fora?

Oposto: Sarah Pavan.

Quem diria. Duvidei da canadense no início da temporada. Não vejo muito concorrência para ela - não foi uma SL das opostos -, mas ela fez por merecer a escolha.

Líbero: Tássia.

Aqui tenho o mesmo problema da escolha da levantadora. Talvez a Suelen tenha se destacado mais na SL, mas acho que teve atuações ruins nos momentos decisivos do Vôlei Amil. Por isso, optei por uma jogadora que admiro e que foi uma das poucas coisas boas do Minas nesta temporada, a Tássia.

Técnico: Luizomar de Moura.

Comentários

Welmer disse…
Levantadora: Macris. Gostei muito do seu estilo de jogo e acho que fez uma boa SL. Aqui também destaco a Ju Carrijo que fez bons jogos, assim como na temporada passada.

Oposto: Lia. Nessa temporada não tivemos um grande nome. Escolhi a Lia porque mesmo jogando por um time que teve uma campanha fraca, ela ainda figura entre as maiores pontuadoras. Acho que se o Minas tivesse um time mais equilibrado talvez ela tivesse se destacado mais.

Pontas: Tandara e Fê Garay. Destaco aqui também Jaqueline e Gabi. Acho que elas fizeram uma boa Superliga, mas inferior a Tandara e Fê Garay.

Centrais: Thaisa e Angélica. Pra mim essas foram as melhores em suas posições. Thaisa fez uma grande SL, e teve destaque todos os fundamentos. Angélica também fez uma boa SL, principalmente no bloqueio.

Líbero: Camila Brait. Não foi a melhor temporada de sua carreira, mas acho que teve atuações mais equilibradas que as demais jogadoras da posição.

Técnico: Luizomar de Moura.
Welmer disse…
Laura e amigos, só para não passar batido, a CBV está transmitindo o Campeonato Brasileiro de Seleções Juvenil, uma oportunidade a mais de ver as jogadoras que estão surgindo.
Mateus disse…
Levantadora: Macris. Uma boa levantadora.

Ponta: Jaqueline e Tandara. Um dos melhores passes e a maior pontuadora da competição.

Centrais: Thaisa e Juciely.

Libero: Suellen. Mesmo sendo gorda ela foi a melhor passadora da Competição

Oposta: Sheilla

Tecnico: Luizomar
Levantadora: Macris. Esperava uma disputava alucinante entre Fofão e Fabíola, mas a primeira sentiu o peso da idade e a segunda não apresentou o que dela se esperava na primeira fase, embora tem se destacado nos playoffs. Mas por tudo o que apresentou durante a SL, prefiro a Macris.

Oposto: Sarah Pavan. Na verdade no meu time escalaria a Tandara como oposta, mas como na SL deste não foi a posição dela, escolha a Sarah por ter me surpreendido com suas atuações, chamando a responsabilidade quando era preciso.

Pontas: Jaqueline e Garay. Escolho a Jaque pela segurança no passe e também porque tem sido eficaz no ataque. Escolho a Garay e não a Tandara, porque a Garay é superior no passe, mas tão eficiente quanto no ataque.

Centrais: Thaisa e Juciely. A primeira, já disse aqui há algum tempo que tem sido a melhor jogadora brasileira desde o Mundial de 2010, essa temporada foi de amadurecimento. A segunda comeu a bola e brilhou durante toda SL. Agora se a Adê não tivesse se contundido e perdido toda 1ª fase, certamente estaria junto com a Juci, nessa minha seleção.

Líbero: Camila Brait. Concordo com o Welmer. Não foi a melhor temporada dela, mas com certeza é nossa melhor jogadora da posição e se não brilhou, fez partidas bastante equilibradas.

Técnico: Luizomar de Moura. Considero hoje o técnico que melhor entende o feminino.

Menção
guiperolehos disse…
Levantadora: Fofão
Meios de rede: Juciely e Fabiana
Ponteiras: Tandara e Fê Garay
Oposto: Sarah Pavan
Líbero: Fabi
Técnico: Spencer Lee
Renato disse…
Olá Laura e amigos. Ótima idéia a de repetir a eleição das melhores da superliga. Parabéns. Aí vão meus votos:

Levantadora: Fabíola
Oposto: Ramirez
Meias: Thaisa e Walesquinha
Ponteiras: Jaqueline e Garay
Líbero: Brait
Renato disse…
Laura, faltou meu técnico. Foi mal.

Spencer Lee
Edson Pelegrino disse…
Levantadora: Juliana Carrijo.

Meios de rede:Angélica e Thaísa.

Ponteiras: Garay e Tandara.

Oposto: Andreia.

Líbero: Camila Brait.

Técnico: Wagão.
Eduardo Araujo disse…
Levantadora: Juliana Carrijo, mostrou personalidade, claro que é cedo para falar muita coisa, afinal apareceu agora e tem potencial, não acho que deva ser convocada para a seleção, nessa fase, pode ser muita pressão para ela.

Libero: Camila Brait, o motivo é simples é a unica libero que aparece entre as 10 na defesa e é um fundamento tão importante para o passe para uma libero.

Central: Thaisa por causa do ataque e a Bia do SESI, esta bloqueando muito bem tem jogado melhor que a Fabizona no ataque.

Pontos: Jaqueline acho uma jogadora bastante completa, com a levantadora certa faz bastante pontos, fora que segura o passe e ajuda muito na defesa, Tandara fez uma boa superliga peca no passe, mas com a Brait e a Jaque passando ela pode ficar mais escondida e se preocupar somente com o ataque.

Oposto: Pavan pela altura que ataca as bolas, muitas vezes passando por cima do bloqueio, tem tirado o Unilever de varias situações complicadas.

Técnico: fico com o Spencer Lee, por causa da educação e tranquilidade que tem com as jogadoras.
Unknown disse…
Walber

Levantadora: Juliana Carrijo, tem uma otima visao do jogo.
Oposto: Sara Pavan, segurança na saida, muito alta bate facil na bola.
Centrais: Juciely e Taisa, Jucy disparada a melhor desta temporada só merecia um treinador menos revoltado, Taisa regular como sempre, mas destaco a Angelica, bate a bola de frente muito rapida e forte.
Pontas: Garay e Tandara, Garay completa, Tandara peca no passe mas compensa no ataque, destaque para a chata Gabi.
Libero: Tassia do Minas
TEcnico: Luizomar e destaque para o Spencer
juninho disse…
Na vdd eu acho que deveria ter uma seleção da SL e uma seleção de revelações dessa SL. Eu vou fazer as duas se permite...rs
Seleção:
Levantadora: Ainda fico com a Fofão mesmo sendo visível que está longe do seu auge,mas trabalhar com o passe B do Uni só ela e a Venturini mesmo.
Oposto: Mesmo alternando maus momentos eu acho que a oposto mais regular dessa SL foi a Pavan.
Pontas: Indiscutivelmente um time que tem Garay e Jaque na linha de passe,defesa,bloqueio e ataque está muito bem servido.
Centrais: Thaísa e Jucy.
Líbero: Brait,apesar de não ter feito uma boa temporada é indiscutivelmente a melhor líbero brasileira na atualidade.
Técnico: Luizomar que finalmente mostrou ser um técnico de primeiro escalão.
Seleção de revelação:
Levantadora:Fico dividido entre a Jú Carrilo e a Macris. Grata surpresa as duas.
Oposto: Infelizmente não houve uma oposta novata que se destacasse assim. Talvez se a Ivna jogasse de titular seria uma grata surpresa.
Pontas: Gabi,que para mim foi a maior revelação dessa SL e Tandara que ficou com a responsabilidade de carregar um time nas costas. Faço ressalva ainda da jogadora Neneca que figurou por diversas vezes como a melhor jogadora da rodada e a Ellen Braga do Pinheiros.
Centrais: Bia e Angélica. Não esquecendo da Aline que está um degrau abaixo.
Líbero: Léia do Pinheiros.
Técnico: Wagão que pra mim nessa temporada tirou a famosa frase do Bernado: "tirou leite de pedra" e o Spencer Lee que está se firmando como treinador de sucesso apesar de uns erros como manter inversão de 5x1 quando não tá dando certo.
Obrigado.
Anônimo disse…
Moura BR

Levantadora: Macris. Disparado a melhor levantadora da Superliga. Ou a que mais me chamou a atenção.
Centrais: Thaisa,Juciely. Sem comentários. As duas voando.
Oposta: (Tandara)é uma ótima definidora, porém não tem qualidades de ponteira.
Ponteiras: Garay, Jaqueline. Essa dupla de ponteiras foi sem dúvidas a melhor da SFV. Saque Ataque Bloqueio e Passe na mão.
Líbero: Suellen. O que essa gordinha jogou é brincadeira, e na ultima partida da semifinal salvou o Amil de um vexame ainda maior.

Tecnico: Wagão. Tirou água de pedra, porém não acho que obteria sucesso com jogadoras consagradas.
Euri disse…
Levantadora: Macris. Sou fã mesmo da Fabíola e acho que fez uma campanha tão boa qto a Macris, mas ficou abaixo do que se esperava dela. Acho que a Ju Carrijo fez bons jogos, mas fez escolhas erradas em momentos decisivos.

Oposto: A Sarah Pavan foi a mais regular.

Pontas: Jaqueline e Fê Garay. A Tandara é uma boa atacante, mas fica atrás em todos os outros fudamentos. E sem passe nenhum time ganha nada no voleybol de hoje.Acho a Tandara bem imatura também e não tem como ter uma ponteira passadora que só finge que passa.

Centrais: Thaisa e Juciely. A Ade se machucou e ficou para trás na disputa.

Líbero: Camila Brait. Não fez a melhor superliga, mas foi a mais regular e apareceu qdo foi preciso.

Técnico: Wagão. O Spencer Lee foi ótimo, mas acho que o Wagão, pelo elenco que tinha, conseguiu mostrar mais trabalho.
Eduardo Araujo disse…
Gente não tem nada haver com o post, mas vcs viram a situação do Minas??

Esta sem patrocínio, as jogadoras já receberam a autorização para negociar com outros clubes.

O Minas declarou que caso não consiga um patrocinador, eles vão disputar com jogadoras juvenis.
Luiz Felipe disse…
Levantadora: Macris - boa surpresa, fez o limitado Pinheiros rodar;

Oposto: Pavan - sem graça, mas a menos irregular; queria mesmo votar na Neneca, mas lembrei que ela jogou de ponteira...

Ponteiras: Tandara - como não votar? - e Jaque - jogadora mais completa do Brasil e líder. (Ninguém me perguntou, mas não gosto da Garay...)

Meios: Dani Scott - voto nela até pra presidente - e Jucy - tática, veloz e joga para o time;

Libero: Tassia - tinha que eleger alguém do meu time de coração...

Técnico: Wagão - o Spencer perdeu meu voto por causa da mancha na testa...
Vivi disse…
Levantadora: Juliana Carrijo, foi sem duvida o maior destaque deste campeonato, mencao honrosa para a Fofao por fazer milagres com os passes horrorosos da Natalia.

Oposto: Sarah Pavan saca, ataca e,principalmente, bloqueia muito bem, somente peca um pouco na defesa. Sheilla eh mais completa, mas esteve um tempo afastada, se recuperando de contusao, por isso meu voto vai para a canadense.

Libero: Tassia, muito guerreira, agil e precisa. E ao contrario da Suelen, a Tassia encontra-se em excelente forma fisica, correndo e cobrindo praticamente toda a quadra.

Ponteiras: Gabi Guimaraes, essa garota eh um fenomeno, com apenas 18 anos, tomou a vaga da Logan Tom, mostrando muita personalidade, seguranca e eficiencia, atualmente eh a principal ponteira da Unilever e uma das grandes responsaveis por manter o time na ponta da tabela.
Tandara: pontuadora nata, nao reclama de bola mal levantada, vira qquer jaca com aproveitamento impressionante, mao peaadissima, tem muita forca e potencia naquele bracao de estivador.

Meios-de-rede: Juciely, a melhor disparado nessa superliga, sempre constante, com atuacoes impecaveis, alem de atacar e bloquear muito, teve grande destaque com seu saque venenosissimo que veio destruindo os passes adversarios.
Angelica: revelacao da posicao, tinha um otimo entrosamento com a Juliana Carrijo, muito racuda em quadra.

Tecnico: Luizomar, as jogadoras da selecao rendem mais com ele do que com o Ze Roberto, paciente, estilo paizao, tem o time nas maos e a admiracao das jogadoras, faz um excelente trabalho, foi Campeao Mundial com o grupo atual.
Mencao honrosa para Bernardinho, Spencer Lee e Wagao, tecnicos que conseguem tirar leite de pedra.

Mencao Negativa para Ze Roberto, antietico ao extremo, nunca assume a culpa de fracasso transferindo-a para as jogadoras, para a arbitragem ou para o rankeamento. Invejoso,quer prejudicar a Adenizia, o Luizomar e o Sollys com seu olho-gordo. Cria um astral ruim e um clima de tensao com as jogadoras do seu proprio time. Com seus ataques neuroticos de baixo astral conseguiu tirar do ar ate a maior craque do seu time: a cubana Ramirez.
Sandra da Lan House disse…
Ju Carrijo: jovem e com ousadia de sobra, revelacao dessa Superliga.

Sheilla: o pe quebrado e a lenta recuperacao a prejudicou no inicio da competicao, mas na fase mata-mata Sheilla mostrou pq foi eleita a melhor oposta do mundo.

Tandara: Maior pontuadora da Superliga, atacou tudo qto e tipo de bolas, fossem boas, ruins ou pessimas.

Gabi: botou a gringa Logan Tom para esquentar banco e segurou a Unilever na lideranca da Superliga.

Juciely: sem muito a dizer, simplesmente a "THE BEST" no meio de rede.

Dani Scott: craque de bola e muito carismatica, ao contrario da nojenta da Logan Tom, Dani Scott e uma simpatia em pessoa, extremamente determinada e profissional, e um exemplo a ser seguido pelas centrais mais jovens.

Tassia: jovem libero e muito promissora, sua principal caracteristica e a tecnica apurada, conseguiu se destacar no meio de feras consagradas da posicao como Fabi e Brait.

Tres tecnicos me agradaram muito nessa Superliga: Bernardinho, Luizomar e Spencer Lee, cada um no seu estilo conseguiu dar mais brilho p/a competicao, nao consigo escolher um entre esses 3, pois eles sao o maximo! Os confrontos entre eles foram os mais emocionantes dessa Superliga!
Filipi disse…
Levantadora = JU CARRIJO, a participação dela nessa Superliga foi empolgante, sempre determinada não se intimidava nem um pouco em enfrentar times como Sollys e Unilever, usou e abusou das jogadas rápidas mesmo em contra-ataques, compensando a falta de uma atacante de força já que Herrera estava contundida. Minha segunda opção seria Fofão, que merecia uma medalha de honra ao mérito por ter sido a levantadora que mais correu nessa superliga principalmente devido aos passes ruins da Natália. Muito do sucesso da Ju Carrijo se deve ao fato de Spencer Lee deixá-la atuar livremente sem tolir sua criatividade e ousadia, só espero que na seleção brasileira o Zé não comece a podá-la, tornando-a uma robô teleguiada por ele.

Oposta = Sheilla, apesar das críticas, principalmente do invejoso do Voloch, Sheilla sempre cresce em momentos decisivos. Como sempre, ela calou a boca dele e dos outros maria-vai-com-as-outras, assim que começaram as quartas-de-final. As 2 melhores opostas do Brasil jogam no mesmo time: Sheilla e Ivna. Ivna substituiu muito bem a Sheilla no período em que esteve afastada por contusão. Além disso, Ivna sempre faz excelentes participações quando entra na inversão do 5x1.

Centrais = JUCIELY, depois de ter sido cortada por Zé Roberto no saguão do aeroporto, assim como a Fabíola, Jucy deu a volta por cima e se tornou a melhor central dessa Superliga. Atuações sempre de destaque no saque, ataque e bloqueio.
ANGÉLICA = mais uma revelação importante dessa Superliga, excelente bloqueadora, tem tbém um ataque muito potente, seu jogo encaixou bem com Ju Carrijo.

Ponteiras = Gabi Guimarães foi uma grande aposta do mestre Bernardinho que deu muito certo, se tronando a de referência da Unilever.
Tandara = maior pontuadora da superliga, vem mostrando enorme eficiência no saque, ataque e bloqueio. Porém precisa evoluir ainda no passe. Levou o SESI nas costas nessa Superliga, já que Elisângela e Sassá muitas vezes não viravam as bolas e sobrava sempre para a Tandara a responsabilidade de virar as bolas difíceis.

Líbero = Tássia com muita técnica e bom posicionamento vem numa constância enorme desde o início da competição.

Técnico = Luizomar, se as próprias jogadoras da seleção elogiam o cara, quem sou eu pra discordar. O fato é que o Luizomar tem "feeling" para lidar com vôlei feminino e também muita confiança e apoio de suas jogadoras.
Bruno disse…
MINHA SELEÇÃO É:
JULIANA CARRIJO, SHEILLA CASTRO, ANGÉLICA MALINVERNO, DANIELLE SCOTT, GABRIELA GUIMARÃES, TANDARA CAIXETA, TÁSSIA SILVA.
TÉCNICO: BERNARDO REZENDE.
Que safra boa essa de novas jogadoras, logo após as olimpíadas temos destaques em todas as posições, o vôlei brasileiro vive se renovando, mesmo com os times fechando e os patrocinadores abandonando o esporte, imagine se isso não acontecesse...
Meus destaques/revelações em cada posição são: levantadora-Juliana Carrijo; central-Angélica Malinverno; oposta-Ivna Marra; ponteira-Gabriela Guimarães; líbero-Tássia Silva.
Amalia disse…
Fofão e Sheilla; Gabi Guimarães e Tandara; Angélica e Juciely; Tássia
Técnico Bernardinho.
Zilá disse…
Luizomar de Moura - Sheila Castro - Fofão - Tandara Caixeta- Gabi Guimarães - Angélica Malinverno - Dani Scot - Tássia Silva.ad
JUJU disse…
Levantadora: JU CARRIJO

Oposto: SHEILLA CASTRO

Pontas: TANDARA CAIXETA e GABI GUIMARÃES

Centrais: JUCIELY SILVA e ANGÉLICA MALINVERNO

Líbero: TÁSSIA SILVA

Técnico: SPENCER LEE
Fabinho disse…
Gostei muito das revelações dessa superliga, inclusive na minha seleção tem muitas dessas revelações:

Levantadora: Juliana Carrijo.

Meios de rede: Jucy e Angélica.

Ponteiras: Gabi Guimarães e Tandara.

Oposto: Sarah Pavan.

Líbero: Tássia Silva.

Técnico: Bernardinho.
Sara disse…
Levantadora: Juliana Carrijo.

Meios de rede: Danielle Scott e Angélica Malinverno.

Ponteiras: Gabriela Guimarães e Tandara Caixeta.

Oposto: Sheilla Castro.

Líbero: Tássia Silva.

Técnico: Bernardo Rezende.
João Lucas disse…
Levantadora: Juliana Carrijo. Esse ano foi complicado para as consagradas. Fofão parece não parece ter mais fôlego e correu muito. Fabíola jogou mal algumas partidas e Dani Lins, que ainda é de longe a mais técnica das levantadoras brasileiras não poderia fazer milagres com os passes que recebia. Então sobrou para a Juliana Carrijo que fez uma grande Superliga. Macris também merece ser lembrada.

Oposto: Sarah Pavan. Essa temporada foi complicada para as jogadoras da posição, portanto, escolho a oposto carioca que salvou o time do Rio em algumas partidas.

Ponteiras: Tandara e Fernanda Garay. A primeira carregou o time do SESI/SP nas costas e sem ela o SESI/SP não teria passado pelo Praia. Esta SL foi para a confirmação de Garay, segura no passe e uma grande atacante. Gabi e Ellen também foram muito bem e devem ser observadas.

Centrais: Thaísa e Juciley. Thaísa ainda figura como a melhor central do Brasil. As pessoas exaltam a boa SL de Juci só que francamente Thaísa foi superior, começou mal talvez pelo cansaço e foi se encontrando e quando está em forma é difícil pará-la. Thaísa é a única central que figura na lista das 10 maiores pontuadoras da SL. Já Juci foi bem durante toda a competição muito segura no ataque e eficiente no bloqueio. Destaco ainda Bia, Angélica, Dani Scott e Aline.

Líbero: Camila Brait. Brait nos deixou mal acostumados com suas apresentações exuberantes, só que desta vez ela não foi tudo isso. Não quero dizer que tenha ido mal, aliás, muito longe disso, só que não foi sua melhor SL, só que ainda é a melhor líbero do país.

Técnico: Wagão.


João Lucas disse…
Podíamos fazer também a nossa lista de decepções da SL, o que acham? Bem aqui vai a minha:

* Centrais do Vôlei Amil: Nem Walewska, nem Natasha, nem Renata (que injustamente não teve muitas oportunidades) e muito menos Andressa. As centrais do time campineiro foram muito mal, a melhor delas é Walewska que tinha alguns lampejos em algumas partidas, mas é pouco se tratando de uma das melhores meios do país e da atacante mais experiente da equipe. Natasha e Andressa se revezaram, mas tanto uma quanto outra não tiveram um bom desempenho para jogadoras da seleção B, não se firmaram para disputar o Gran Prix deste ano. Honestamente, as duas saem atrás de Bia, Angélica, Aline e até Letícia Hage. Renata não pode ser culpada teve poucas oportunidades.

* Logan Tom: A norte-americana foi um verdadeiro desastre. Aquela grande jogadora de excelente fundo de quadra e ataque inteligente parece ter ficado na final olímpica em Londres. Logan foi uma das grandes contratações do Unilever para esta temporada e não correspondeu, jogou mal em praticamente todos os jogos em que atuou, até se contundir e ser substituída pela promissora Gabi. Logan me lembrou Alisha Glass parecia desconfortável e odiando jogar em solo brasileiro.

* Equipe de São Bernardo: Esse time foi uma decepção, não imaginava que teria uma péssima temporada, vencendo apenas uma partida. Entretanto, espero que a equipe não seja extinta.

* Líberos do SESI/SP: Sem Michelle Daldegan o SESI começou com Juliana e Veridiana, só que as duas foram muito mal principalmente na recepção com isso dificultaram e muito a vida do time paulista.

* Equipe Usiminas/Minas: Meu time do coração não foi nada bem. Um time que tem de termômetro a oposto Lia, não é nada confiável. A líbero Tássia e a levantadora Claudinha são o que há de melhor no time. Espero muito que o Minas encontre um patrocinador.

*Vasileva: A búlgara apesar de nova não é essa coca-cola toda. Fez boas partidas, mas quando mais se precisou dela ela não correspondeu. É uma boa atacante só que mal sabe dar uma manchete.
* Zé Roberto Guimarães: Não poderia deixar de citá-lo, trata-se de uma grande vencedor só que quando perde não sabe se descontrola. Vai ficar marcado por ser um mau perdedor ao fazer um discurso logo após seu time ser atropelado pelo Sollys na semifinal. Alguém devia ter perguntado para ele onde ele estava quando aceitou o ranking da CBV? Será que Adenízia e Camila Brait são mesmo os problemas? A Nestlé tem dinheiro para pagar Sheilla, Thaísa e Jaqueline e não teria dinheiro para pagar uma central estrangeira como Hermotto e uma líbero como Brenda Castillo. Francamente, Zé Roberto saiu por baixo e ainda ouviu suas jogadoras cantarem que Fabíola é seleção.


Vivi disse…
Joao Lucas adorei a sua lista de decepcoes da Superliga.
Considero a maior decepcao de todas o Ze Roberto, pq ele conseguiu contrariar todo mundo com suas desculpas esfarrapadas de mau perdedor. Ele conseguiu se indispor com a melhor jogadora do seu proprio time a cubana Ramirez.
As jogadoras do Sollys entao eram as que mais estavam incomodadas com a inveja dele, tanto que fizeram questao de derrota-lo dentro de Campinas com uma surra de 3x0, e depois desabafaram gritando bem alto Fabiola SELECAO!
Ninguem mais aguenta esse chororo chato de mau perdedor e invejoso do Ze.
Anônimo disse…
Cambada de gente uó.....povinho zic zira!
Quem é Tassia na sociedade? Ela é inconstante e joga sempre com cara de quem quer se cagar nas calças....
Não suporta o time qdo precisa...e nem figura nas estatísticas.

Vou dar banho de água de chuca em vcs...se continuarem a votar nela hein!

Bjos da MARCIA FÚ
Laura disse…
João Lucas, tb gostei da sua ideia! E concordo com boa parte das tuas escolhas. Acho que daria uma aliviada na Vasileva e no Zé, mas de resto, são estas mesmos as decepções da SL.
camilla santana disse…
Levantadora: Juliana Carrijo

Oposto: Sarah Pavan

Ponteiras: Tandara e Fernanda Garay

Centrais: Thaísa e Juciely

Líbero: Camila Brait

Técnico: Spencer Lee
Laura,
Parabéns pelo blog que é ótimo e configura-se como uma grande oportunidade para apaixonados pelo voleibol como nós. Essa é a primeira vez de muitas que compareço por aqui.

Levantadora: Macris. Ela ditava o ritmo do ótimo time do Pinheiros que com um elenco mais modesto quase eliminou o Vôlei Amil.

Oposta: Sarah Pavan. Nenhuma oposta foi melhor que a canadense.

Ponteiras: Tandara e Jaqueline. A primeira pelo ataque e a segunda pelo equilíbrio que oferece á equipe em que atua e a seleção.

Centrais: Thaísa e Bia. Thaísa por ser a melhor central e por ser muito completa e consistente. Bia pelo seu enorme potencial e seu grande aproveitamento em bloqueios.

Líbero: Camila Brait. Sem mais comentários é a melhor.

Técnico: Wagão.

Sabrina Cordeiro disse…


Levantadora: Dani Lins.

Centrais: Thaísa e Bia

Oposta: Sarah Pavan

Pontas: Fernanda Garay e Tandara

Líbero: Léia

Técnico: Luizomar de Moura
Thomás Parente disse…
Levantadora: Ju Carrijo
Oposta: Lia
Pontas: Pri Daroit e Tandara
Centrais: Gelka e Thaisa
Líbero: Suellen
Técnico: Spencer Lee
Paulo Duarte disse…
Levantadora: Macris

Oposta: Sara Pavan

Centrais: Thaísa e Fabiana

Pontas: Tandara e Fernanda Garay

Líbero: Camila Brait

Técnico: Luizomar de Moura
Juliana disse…
Levantadora: Dani Lins. Foi a melhor, Ju Carrijo foi bem, entretanto, não foi melhor que Claudinha nas temporadas anteriores.

Oposto: Lia. Foi a segurança do Minas

Pontas: Tandara e Jaqueline. Pontos e equilíbrio.

Centrais: Thaísa e Bia. A primeira é completa e a segunda a revelação da competição.

Líbero: Camila Brait. A melhor de todas.

Técnico: Spencer Lee. Merece ser observado, ainda tem muito a dar ao voleibol brasileiro.

Fernanda Teixeira disse…
Levantadora: Juliana Carrijo

Oposto: Sarah Pavan

Pontas: Fernanda Garay e Ellen

Centrais: Thaísa e Ana Carolina

Líbero: Léia

Técnico: Wagão
Joana disse…
Levantadora: Macris

Oposta: Lia

Pontas: Ellen e Gabi

Centrais: Thaísa e Aline

Líbero: Camila Brait

Técnico: Bernardinho
Shirllen, a nova entendedora de vôlei disse…
Essa Superliga foi incrível, vamos a minha seleção:

Levantadora: Ana Cristina (São Bernardo). Uma grande jogadora que a muito tempo merece ser convocada para a seleção.

Oposto: Renatinha Colombo (São Bernardo (Voltou tm grande fase, é uma posto espetacular).

Ponteiras: Masso (São Bernardo) e Regiane (Unilever) Duas grandes jgadoras.

Centrais: Andressa (Vôlei Amil) e Angela Moraes (São Cetano). Centrais incríveis, a primeiratem um saque venenoso. e a segunda é Superangela.

Líbero: Tenny (São Bernardo). Líbero de passe invejável e grandes defesas.

Técnico: Talmo de Oliveira (SESI).

Muito se fala da Seleosasco, mas, seleção mesmo é a Selebernô.
kiam sousa disse…
Levantadora:Macris.pinheiros

Oposto:Sarah Pavan.univeler

Ponteiras:Natalia.univeler e fe garay.sollys

Centrais:thaisa.sollys e leticia hage
praia clube

Libero:Camila brait

Tecnico: Spencer Lee
Anônimo disse…
Breno:
Levantadora: Claudinha.
Oposto:lia
Pontas:Neneca e e fê garay
Centrais:thaisa e angélica
Líbero:fabi
Tecnico:spencer lee
Anônimo disse…
ANA disse...
Levantadora:Ju carrijo :tecnica e potencial.
oposto:talvez a lia!
pontas:herrera : (se não tivesse machucado seria a mior pontuadora)e Garay.
Centrais:thaisa e angélica.
líbero:brait
técnico:spencer


Anônimo disse…
Beto disse:
Pra quem não sabe o sepncer tem 20 anos a frente das equipes de base,inclusive desde ano passado jpa trabalhando co juvenis da seleção brasileira!Então ele não começou hoje no volei,digo isto pq vi comentários aqui dizendo que o "spencer está se firmando como técnico"E lembrando a entrevista do luizomar de moura,dizendo que muitas vezes ele pede conselho ao spencer quando deseja incluir atletas juvenis na seleção juvenil!Então so esclarecendo isto ! rs
Anônimo disse…
SELEÇÃO DAS MAIORES JOGADORAS DE TODOS OS TEMPOS
Levantadora:Jacqueline Silva.
Oposta:mireya luis
pontas:Marcia fú e érica coimbra(detalhe,a érica até hoje 2013 é a maior pontuadora da história da superliga)dados oficiais da CBV e graças a Deus ainda joga e muito)!
Centrais:simona gioli(italiana do dínamo moscou)ta em plena atuação!E regla torres(ubana)
líbero:fabi(unilever)
tecnico:Young wan sohn(coreano que dirigiu a seleção masculina do brasil na deca de 80 e tricampeão pelo fiat/minas !
Julia disse…
Levantadora: Juliana Carrijo;
Centrais: Bia (Sesi) e Carol (Pinheiros) __ aliás, ainda bem que temos uma excelente safra de centrais boas e novas, como também a Angélica e a Letícia Hage;
Pontas: Garay e Gabi/Jaque, em empate;
Oposto: Herrera (jogando como falsa ponteira, foi a melhor atacante e transformou o Praia no melhor clube da SL até sofrer a lesão);
Líbero: Fabi (Brait caiu de padrão esta temporada);
Técnico: Spencer Lee (o mafioso do Zé Roberto se queimou ainda mais nesta temporada; nem tanto pelos resultados, mas pelo hábito de assumir o crédito ao ganhar e culpar os outros ao perder. E o Paulo Coco, que era excelente como técnico do Pinheiros, se resumiu a ser um mero assistente clone do ZRG)