2010 na Área!

Depois de muito panetone, romã e bichos que ciscam pra frente voltamos para a mesa não tão farta assim da Superliga feminina.

Amanhã (07/01) começa a sexta rodada e entram em quadra as principais equipes da competição: Osasco, Unilever, São Caetano e Pinheiros.

**************



O jogo mais interessante fica por conta do clássico entre Minas x Osasco. O Minas há tempos não forma um time em condições de fazer frente ao Osasco, mas sempre existe um pitada de rivalidade para temperar o confronto.

Fica a expectativa em ver se o Minas (ou seria Metcalf &Cia?) conseguirá fazer um jogo equilibrado. Por parte do Osasco, se a Natalia não perdeu o embalo com essa parada, o desafio fica mais fácil. O Sportv transmite a partida às 21h.
*****************


Primeira rodada, então, da Superliga no ano de 2010. A virada do ano não faz milagres, mas vamos conferir se já existe alguma evolução nas equipes e se determinadas jogadoras deixaram o ano de 2009 definitivamente no passado (Thaisa que o diga...).

******************

No mais, espero para 2010:

- Que nenhuma jogadora da seleção se machuque.

- Que nenhuma jogadora da seleção engravide (viu, Paula?).

- Que a Fernanda Venturini engravide.

- Que o Zé Roberto tenha dores de cabeça (no bom sentido) para escolher as levantadoras. Isso vai acontecer porque todas elas estarão numa fase excelente. (ahã...) Tá forcei. Que tenhamos uma levantadora decente para a seleção no Mundial!

Comentários

Anônimo disse…
Thaisa minha fofa,agora que você já deu um up nos seios e arrumou o nariz trate de se preocupar um pouco mais com seu trabalho por favor...

fikadika
;)


tá,agora falando sério torço mesmo para que ela volte a jogar como antes...pq se voltar como jogou em 2009...
Anônimo disse…
"Que a Fernanda Venturini engravide."
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Muito boa La Cauda!

Sério, o que mais espero é que a Sheilla volte com tudo e com o físico 100%, pra ajudar o São Caetano a conquistar o título da Superliga (pode ser difícil, mas não impossível).
E claro, olhando mais adiante, nenhuma novidade nesse desejo: uma levantadora que aguente a pressão de jogar na seleção.
Anônimo disse…
a sheilla pode estar 100% e jogando muito comom jogou na temporada passada...
mas se as outras jogadoras do são caetano não jogarem,não tem como ela carregar o time nas costas...
não torço para o são caetano,mas espero que a Mari melhore este ano no time,pois gosto muito dela.Talento todos sabemos que ela tem de sobra,só falta se dedicar um pouquinho mais ao time em que atua.
Anônimo disse…
Minas só da pra contar com a Metcalf, Vargas e Natasha o restante do elenco ta bem fraco.
Anônimo disse…
Já deu essa conversa de que espera que a Sheilla não carregue o São Caetano nas costas. Está virando um jargão chato.

Considerando a má fase da Mari na Superliga passada, isso sim foi surpreendente, e aquela dupla de centrais do São Caetano, a Fofão seria burra se não levantasse quase 100% das bolas para a Sheilla, que estava em excelente fase e sendo uma das melhores jogadoras do mundo. Nenhuma novidade para a responsabilidade da nossa oposto e sua regular competência.

Pelo contrário, assim como a Mari sentiu a volta de uma temporada puxada com a Seleção no ano passado, minha preocupação agora é justamente com a Sheilla, que tem demonstrado sinais de queda do seu habitual desempenho, além de fisicamente me preocupar.

Rendeu muito abaixo do esperado, com erros em bolas decisivas na Copa dos Campeões, nas semis do paulista, exceto a segunda partida, também comprometeu em momentos chaves dos sets e agora no início da Superliga, desconsiderando sua conhecida condição física, seus ataques e saques continuam abaixo da Sheilla que nós estamos acostumados.

Enfim, não acho que a Sheilla vá carregar o time nas costas mesmo voltando a sua boa fase e condição física normal, acho que a Fofão tem demonstrado isso com o excelente trabalho que tem feito com as centrais e habitual distribuição de jogo nas pontas.
Anônimo disse…
Mari não faz nem um pouco o tipo "vou tentar carregar nas costas porque acho q vai dar!"
É o jeito dela, realista e muito franca, mesmo com ela, Sheilla e Fofão jogando a 100%
o resto do elenco também não acompanha, não é tao fraco quanto as co-adjuvantes do Minas, mas num confronto mais forte sente a limitação.
Anônimo disse…
Estive for a nos últimos dias, que história é essa da Fabiana levar o Prêmio Brasil Olímpico como a Atleta do Ano do Vôlei em 2009?

Fabizona teve um bom ano, mas teve vários momentos de irregularidade, inclusive no GP, isso sem contar que não participou do Sula e nem da Copa dos Campeões.

Apesar de não ser a minha preferida, excluindo a Copa dos Campeões, a Sheilla foi a melhor jogadora do mundo em 2009.
Anônimo disse…
Esse prêmio podería ter ido pra qqr uma, e assunto do outro tópico ja foi !
Anônimo disse…
Agora assim a Superliga vai começar. Ano passado só Sollys x Pinheiros chamou atenção.

Usiminas x Sollys. Acho que o Osasco ganha, mas espero sinceramente que o Minas possa fazer um bom jogo. É redundante falar isso, mas se o Minas tivesse uma levantadora mediana, Ana Maria ou Ana Cristina talevez, e uma ponta de força, com certeza brigaria pelo título. Matcalf e Vargas estão jogando muito, ao contrário de umas e outras estrangeiras.

Legal a mobilização que os times estão fazendo para ajudar quem precisa. O Montes Claros, na Superliga masculina, sempre arrecada alimentos para doar, agora o Macaé e a Unilever farão o mesmo por Angra. O papel do esporte entre tantas coisas, também é esse, de ajdar quem precisa.

Uma pequena indagação. O Unilever passará a mandar seus jogos no maracanzinho, hoje joga contra o São Bernardo. Provavelmente dará pouca gente. Domingo tem Blausiegel, quanta gente será que terá? Eu adorararia ver 5 mil pessoas lá, acho que dará umas 2 mil, e torço que não tenhamos menos de mil. hauhauahuahu

Lembrando, Unilever x Blausiegel domingo às 9h45.
Cristiano disse…
Que a Fernanda Venturini engravide.
[2]

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

E que a Dani Lins seja a levantadora do mundial e que faça seu trabalho com muita competência, pq nós vamos ganhar!!!
Anônimo disse…
Apesar do Maracananzinho ser gigantesco e o público ficar bem distante da quadra, eu prefiro q seja la todos os jogos no Rio, quem conhece o Tijuca sabe como é apertado, quente e precário o Ginásio daquele clube.
Anônimo disse…
e a band vai transmitir os jogos ou não? alguém sabe?
Anônimo disse…
Pois é, parece que essa história da Bandeirantes passar jogos da superliga vai virar só lenda. Nós nos descabelamos, xingamos a Globo, mas fato é, que nenhuma das concorrentes querem de fato, transmitir vôlei. Ainda que Record ou Band conseguissem os direitos de transmissão, duvido que seriam diferentes da Globo. Tv aberta vive de audiência e vôlei, por mais que eu ame, não atrai os espectadores tanto quanto nós gostaríamos, por isso não traria o lucro que essas emissoras procuram. Sei que a Band costumava se intitular "o canal do esporte" e realmente passava muitos jogos da superliga há alguns anos atrás...mas me parece que os tempos são outros. Não sei, não acredito que alguma coisa seria diferente ainda que, a Globo não mandasse na CBV.
Anônimo disse…
Minas x Sollys

Jogadoras suadas, meladas, cabelo gosmento, nem reparei no jogo. Um sistema de refrigeração no Ginásio é pedir muito?