Observações Inúteis Sobre Assuntos Aleatórios


Bom, já que o jogo da final deu pouco material para comentarmos e analisarmos, resolvi focar nas futilidades.


É realmente muito divertido ouvir a transmissão do Luis Carlos Júnior, no Sportv. Se você ouve suas narrações de vôlei há um bom tempo já deve ter ouvido centenas de vezes ele fazer o ‘comentário’ “flutuar pela posição 6” ou algo do gênero. Não interessa a jogada, ele pergunta ao comentarista se tal jogadora não deveria “flutuar pela posição 6”.

Deve ser o único jargão do vôlei escrito no livrinho dele de “expressões a serem ditas a qualquer hora”. É um livro que a maioria dos comentaristas têm para quando não têm nada a dizer. Soubessem eles que o silêncio é bom também...


*************************

Nem sei se ele falou isso ontem, mas ele tá com uma novidade desde o início do ano: falar sobre os hobbies das jogadoras, preferências alimentares e culturais. A fonte só pode ser o site da FIVB que possui um perfil de cada jogadora (claro que só daquelas que passaram pelas seleções).


Neste mesmo perfil tem outros detalhes como o alcance de bloqueio e ataque. Invariavelmente estão erradas. Ou seja, alguém tem que avisar o Luís Carlos Jr que, se nem as informações mais fáceis de ser coletadas estão corretas, imagina os detalhes fúteis.

*************************

Legal a sinceridade da Fabizinha – numa entrevista após o jogo – ao dizer que, às vezes, as jogadoras não entendem o que o Bernardinho fala. Achei que era só eu que, normalmente, não entendia uma palavra dele. Taí mais um membro para a ‘família Bernardinho’: um fonoaudiólogo.

*************************

E a Fernanda Venturini? Ao ser perguntada se não sentia vontade de entrar em quadra novamente quando assistia uma final como aquela, respondeu que sim. Ela, que é sempre tão sincera dessa vez me pareceu forçado. Duvido que, ao ver aquele jogo, ela realmente tivesse vontade de jogar depois de ter participado de tantas decisões realmente estimulantes.
 
Eu logo achei que ela iria responder na lata: “que nada! Uma final dessas não me dá nem coceirinha pra entrar em quadra”. Ai, que decepção, Venturini...

Comentários

Anônimo disse…
"Taí mais um membro para a ‘família Bernardinho’: um fonoaudiólogo."

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Fernanda Venturini sincera? num sei não hein?! uhahaha
tipo,essa mulher na verdade é um mistério...Não sabemos se é falsa ou sincera ou quando é uma coisa ou outra.. hahaha

Quanto ao Luis Carlos,realmente é muito engraçado...Eu o acho um bom comentarista de vôlei,melhor do que muitos que tentam ser (Galvão).
Em Pequim era engraçado ele falando os filmes favoritos das jogadoras italianas ou russas,não sei ao certo... rsrsrs
Perguntando também ao Marco Freitas se ele sabia o que a Mari gostava de fazer nas horas vagas...kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
E ele simplesmente ama a Mari.

Adoro a Fabi,ela é muito espontânea e simpática!!!

Que venha o 2° torneio!!!