Banca Internacional


Chegou ao fim a Salonpas Cup com o seguinte pódio: 1º Finasa/Osasco; 2º Rexona Ades; 3º Pinheiros.

A final teve boas doses de emoção e escassos momentos de equilíbrio. Ambas equipes oscilaram muito, entregando sets inteiros ao adversário e, logo depois, tendo uma atuação impecável. Ainda assim, o Finasa sempre me pareceu – com exceção do 4º set – com o controle do jogo. O esforço que o Rexona tinha que fazer para se manter na frente era maior, tendo que jogar o tempo inteiro no seu limite.

 ***************************

O Rexona irá sofrer nesta temporada com suas ponteiras. O jogo de hoje deixou claro com quem a levantadora Dani Lins pode contar na hora do aperto: Fabiana e Érika. O problema é que a jogada no centro com a Fabiana depende de uma boa recepção, coisa que nem sempre acontece. E a Érika, apesar de ser muito habilidosa e não fugir dos momentos difíceis, sofre com a sua altura e não tem a característica de ser a jogadora do sufoco, de pontuar constantemente. Ela é mais facilmente marcada e não se pode usá-la a todo o momento no ataque.

Esse é o buraco do Rexona. Enquanto o Finasa conta com a Paula (e tem um banco que permite variar Natália e Lia), o São Caetano com Sheilla e Mari (dupla de qualidade inigualável entre as equipes nacionais), o time do Rio de Janeiro conta com duas promessas que ainda não se confirmaram: Regiane e Joycinha.

Nenhuma das duas tem a característica de chamar o jogo pra si e são muito irregulares. Ambas têm tudo pra dar certo (principalmente a Joyce), mas não decolam. A esperança está que, nesta temporada, ao assumirem um papel mais importante em uma grande equipe e, no caso da Joycinha, treinar com o Bernardinho, pelo menos uma das duas justifique seu potencial e se firme de vez.


***************************

Parabéns ao Finasa pela vitória. Põe na conta um título internacional e inicia a Superliga com o peso do favoritismo. Parabéns para a organização que a cada ano torna a Salonpas Cup um torneio tradicional e importante no calendário. É a única competição que reúne times internacionais no Brasil. Poderia incrementar ainda mais com convidados mais fortes e atrativos como foi o Pesaro este ano.
 
Mesmo que os times não tenham um desempenho espetacular, é muito bom termos no país um evento que movimente com o segmento do vôlei feminino e traga ao torcedor brasileiro a oportunidade de ver atuando jogadoras de nível internacional.

 ***************************

Oh!, que saudades que tenho da aurora da minha vida...

Foi divertido assistir ao jogo com a transmissão da Band. Luciano do Valle, ao invés de se aposentar, discorre bobagem atrás de bobagem. Não sei se o mais engraçado foi ele falar Rexona/Osasco ou tentar acertar o nome da Joycinha. Durante alguns sets ela foi chamada de Jocymar e Jociane. Sem falar nas trocas constantes de nomes, onde a Natália virou Silvana e etc.

Já o conhecido comentarista Álvaro José anda bem saudosista. No meio da transmissão chamou o Finasa de BCN. Coisa bem tolerável, já que a equipe mudou o “nome patrocínio” só há 5 anos... Mas o mais curioso foram as dezenas de referências que ele fez ao ano de 1984. O cara empacou lá, pelo jeito. Em qualquer assunto ele fazia uma ligação com algum time ou seleção de 1984. Na próxima transmissão Álvaro nos dará preciosas informações sobre o ano de 1985. Aguardem!

Comentários

Anônimo disse…
Luciano do Valle, pede pra sair!
Anônimo disse…
Eita que pena, eu não pude assistir a final =/

Realmente, esses comentaristas/narradores são um fiasco, não só os da Band, os da Globo "chutam o balde" também (recentemente no Final Four nós vimos isso)..
Unknown disse…
KKKKKKKKK
Eu assisti a final do salonpas tb, alem da falta de respeito deles por começa a transmitir na metade do primeiro set, ainda tem as garfes, ainda sim e bem melhor pq ao menos vc rir, aff o ruim e assisti pela globo Galvão ninguém merece ele só sabe urubusa.

Enquanto ao jogo, nossa tanto o Rexona como Osasco não estavam bem,
parecia q não se encontrava em quadra, o quarto set então nossa, mas tudo bem, ao menos pude assisti o jogo pela Tv aberta só assim.

Só pra deixar registrado nunca fui com a cara da Erika, e depois das besteiras q ela andou falando e q piorou aff se ela não estivesse jogando pelo Rexona eu não teria torcido pelo Osasco, ficaria no vença o melhor mesmo.
Anônimo disse…
Aii , eu vi a finaal , pela Band. Só Deus pra ter misericórdia, realmente erravam muito os nomes das jogadoras; lastimável !
HASUAHSUAHSAHU' Pensei que iria comentar algo sobre a participação da Mari e da Sheillinha no Rock Gol ;)

beeijoos ;
Unknown disse…
Esse Salonpas vai deixar saudades pelo alto nivel das equipes, mas a organização....... Quen tentou entrar no ginásio sabado sabe do q estou falando.
A organização do Salonpas poderia fazer um acordo com os italianos de sempre mandarem o campeão italiano pra ca, seria ótimo.
Ou simplesmente poderiam mandar a Gguiggi, campeã ou não hauhuah
Anônimo disse…
Opa Vane, bem lembrado! La Cauda, não deixe passar em branco a participação da Sheilla e Mari no Rock Gol, foi muito bom ver elas em outro "ambiente", muito massa.

;D
Anônimo disse…
LaCauDa, você deve ter percebido que criticar narradores e comentaristas da TV dá Ibope! Invista nisso! hahahahaha
Anônimo disse…
kkkkkkk boa Géson!
La Cauda acertou na mosca dessa vez heim ;D