Please, Don't Go!!!

Lamento muito a saída da Fofão, mas há que se respeitar a decisão dela. Coisa mais chata ficarem insistindo pra que ela continue. Parece que o Zé Roberto até falou com o marido da Fofão para tentar demovê-la da ideia.

Ainda que fosse para fazer aquele teatrinho do “vou embora” para todo mundo dizer “ah, fica! Você é maravilhosa”, mas não. Até porque a Fofão sempre foi muito humilde e nunca fez esse tipo de quem quer a todo momento ser exaltada. Ela me parece muito tranquila e decidida, não titubeou nenhum momento, mesmo que - como ela mesma disse - ninguém a apoie.

E não há porque ser uma decisão definitiva. Todo mundo sabe que se ela quiser voltar para o Mundial, terá espaço no time. Mesmo se decidisse continuar, certamente no ano de 2009 ela teria uma folga e não atuaria. Então pra que ficar no pé da moça? Vamos render as homenagens merecidas e deixá-la em paz com sua decisão.



*******************************

São 17 anos pela seleção, 5 Olimpíadas. É muito tempo. E um final mais merecido – sendo campeã olímpica - não tem como acontecer. É tentar estender uma carreira que me parece muito bem encerrada. Já passa do ponto essa insistência de convencê-la a ficar.
 
E já passou do ponto, também, a hora de começar a renovação na posição de levantadora. Vai ser um pepino trabalhar duas novas levantadoras para que estejam à altura do grupo no Mundial. Não é a toa que o Zé quer tanto que a Fofão continue.

Enquanto todas as equipes enfrentam uma forte renovação, o Brasil está no auge, com um grupo forte e pronto em todas outras posições. Sem uma levantadora preparada, pode perder a chance de não aproveitar seu melhor momento para ser campeã mundial.



*******************************
Achei que o Zé iria insistir mais, neste último ciclo, com as levantadoras novas. Pelas declarações dele no início, era essa a ideia. Mas ele preferiu ficar com a Carol Albuquerque como reserva. Não sei se pensou que, com a saída da Fofão, era melhor ter uma jogadora mais experiente para assumir a posição – mesmo que não tão talentosa quanto algumas jovens levantadoras.

A questão é que agora a Carol pensa em parar também, e meu grande medo é que retorne o fantasma da Marcelle. Sempre que pinta um abacaxi, Zé Roberto apela pra Marcelle ou Raquel. E depois, claro, as descarta.

Comentários

Anônimo disse…
Natasha e Amanda Maltez, passaram p/ as 8tvs de final. Pode ser q sigam a diante. Mas, como falei a vc (lembram-se Ize e Hilderley?), os EUA estao se rearmando prá London 2112. Sabem prá qem as "gostosas e/ou musas" perderam? Prá Croson e Ross, de 14 e 15 aninhos, pode? 21 x 16 e 23 x 21 ... Daí, a velha dor de barriga strikes back, apelam prá o tal do : "Apesar de jovens, as norte-americanas jogam muito bem. Além disso, estão mais bem adaptadas às condições de frio, vento e chuva que enfrentamos neste torneio. De qualquer maneira, o que importa é que passamos para a segunda fase e vamos seguir nos empenhando em busca do título”. Palavras da Amanda Maltez. Tá bom Amanda, vai ver as garotas norte americanas deixaram escola e família e fizeram intensivo no Alaska. É mole ou qerem mais? Inté Mg
Anônimo disse…
Olha, prometo escrever dentro do contexto dos seus posts ... mas me sinto atordoado depois dessa. Isso NAO tem cabimento.
Inté
Mg