"O Visionário"

 
Assistindo às últimas atuações da Sheilla e pensando sobre o reconhecimento internacional que ela conquistou nos últimos quatro anos, lembrei-me de uma coisa curiosa. 
 
Na Superliga 03/04 ela começou como reserva no time do MRV Minas. Depois, com a entrada do técnico Chico dos Santos, ganhou a posição, com muita competência, da Raquel. Recordo que lia a coluna semanal do Bruno Voloch (aliás, alguém sabe por onde ele anda?) em que, semana após semana, defendia a volta da Raquel – jogadora da seleção na época. A diferença era óbvia, a novata Sheilla atuava muito melhor. Mas o jornalista, talvez por algum laço de amizade, defendia a Raquel e criticava o técnico por sua escolha.

Logo depois, a Sheilla transferiu-se para Itália. Era pra ser reserva de Nadia Centoni – hoje na seleção da Itália – e não demorou muito para desbancar a italiana da titularidade. O resto da história todo mundo sabe, todo mundo vê. Surgiu para o Brasil uma oposto de altíssima qualidade. E durante estes quatro anos, ela nunca teve ameaçada sua posição.

Bruno Voloch, que visão, hein?!

Comentários

Anônimo disse…
A Sheila, "sheila" a ouro.
Inté
Mg